Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Queda da confiança dos investidores na Alemanha leva a desvalorização do euro

A desvalorização da moeda única face ao dólar também está a ser justificada pela autorização do Bundesbank para que o BCE coloque a taxa dos depósitos num nível negativo.

Bloomberg
Negócios 13 de Maio de 2014 às 18:11
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

Os dados económicos da Alemanha estão a influenciar os mercados cambiais na sessão desta terça-feira, 13 de Maio. A cotação do euro face ao dólar regista uma descida de 0,38% para 1,3705 dólares.

 

A quebra da confiança dos investidores entre Abril e Maio, de 43,2 pontos para 33,1 pontos, foi mais acentuada em relação às primeiras expectativas, que apontavam para um registo médio no patamar dos 40 pontos, de acordo com os analistas consultados pela Bloomberg.

 

Os números do instituto alemão ZEW revelam que desce o início de 2014 que a confiança dos investidores tem diminuído no país.

 

Além disso, o banco central da Alemanha (Bundesbank) admite que o Banco Central Europeu (BCE), coloque a taxa sobre os depósitos bancários num nível negativo.

 

Segundo o "The Wall Street Journal", o governador da instituição alemã, Jens Weidmann, quer que os bancos passem a pagar ao BCE quando os bancos mantêm a liquidez no banco central. A taxa sobre os depósitos encontra-se neste momento em 0%. 

 

Weidmann, segundo a mesma fonte, autoriza que a instituição liderada por Mario Draghi inicie um programa de compra de activos no mercado.

 

Para o analista do Crédit Agricóle, Manuel Oliveri, a posição tomada pelo Bundesbank indica que é "bastante provável que o BCE actue em Junho", após a reunião mensal dos governadores do 18 bancos centrais da Zona Euro.

 

A sessão desta terça-feira também está a ser influenciada pelo abrandamento de alguns indicadores económicos na China. O crescimento da produção industrial baixou de 8,9% para 8,8%, as vendas a retalho aumentaram 11,9% em termos homólogos – abaixo das estimativa média dos analistas consultados pela Bloomberg (12,2%) – e o investimento em activos fixos somou 17,3% entre Janeiro e Abril, menos 0,3 pontos percentuais sobre os dados entre Janeiro e Março. 

Ver comentários
Saber mais cotações câmbios euro dólar
Outras Notícias