Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Queda de 2,5% da Galp Energia pressiona PSI-20

A bolsa nacional mantém-se em terreno negativo penalizada essencialmente pela Galp Energia.

Hugo Paula hugopaula@negocios.pt 18 de Abril de 2012 às 12:49
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O índice PSI-20 recua0,72% para 5.199,84 pontos, com quatro cotadas a subir, 15 a descer e uma a negociar inalterada. Entre as principais praças europeias a tendência também continua negativa.

A Galp Energia acentuou as perdas do início da sessão e é a cotada que mais pressiona a bolsa nacional, ao descer 2,54% para 11,13 euros.

Também a contribuir para a tendência está a eléctrica EDP, que recua 0,90% para 2,083 euros, enquanto a sua participada EDP Renováveis recua 1,14% para 3,394 euros por acção. A REN, que gere a rede eléctrica nacional, declina 0,70% para 2,135 euros.

A impedir maiores perdas está a operadora Portugal Telecom, que aprecia 0,40% para 3,785 euros, depois de a sua participada brasileira, Oi, ter divulgado as metas para o período de 2013 a 2015 e a intenção de pagar dividendos de dois mil milhões de reais.

Os analistas disseram que as metas “muito ambiciosas” são um factor encorajador, mas que abordam com “cautela”. O dividendo anunciado “dá garantias adicionais” política de dividendos da Portugal Telecom, disse o BESI.

Já a operadora Sonaecom ganha 0,33% para 1,224 euros, enquanto a Zon Multimédia desvaloriza 2,20% para 2,45 euros.

Entre as cotadas do sector da banca a tendência é mista, numa altura em que os títulos do BCP negoceiam inalterados nos 0,111 euros, o BES recua 0,48% para 0,617 euros e o Banco BPI valoriza 0,75% para 0,405 euros. O Espírito Santo Financial Group recua 0,37% para 5,38 euros por acção.

A concessionária Brisa destaca-se pela negativa ao recuar 1,51% para 2,605 euros por acção.

(Corrige gralha às 14h17: troca avança por recua.)
Ver comentários
Saber mais PSI-20 Lisboa bolsa Europa acções acção
Mais lidas
Outras Notícias