Dividendos Sonae Capital paga 15 milhões em dividendos apesar de prejuízos

Sonae Capital paga 15 milhões em dividendos apesar de prejuízos

A Sonae Capital vai remunerar os accionistas em 15 milhões de euros apesar de ter fechado o exercício de 2017 com um prejuízo de 6,5 milhões de euros.
Sonae Capital paga 15 milhões em dividendos apesar de prejuízos
Nuno Carregueiro 02 de março de 2018 às 19:15

Apesar de ter fechado 2107 com um prejuízo de 6,5 milhões de euros, a Sonae Capital vai continuar a remunerar os accionistas.

De acordo com um comunicado com a apresentação de resultados do ano passado, a empresa vai pagar 15 milhões de euros aos accionistas, o que representa uma remuneração de 6 cêntimos por acção.

No ano passado pagou um dividendo de 10 cêntimos (total de 25 milhões de euros), referente aos lucros de 20,5 milhões de euros que atingiu em 2016.

 

No comunicado, a CEO Cláudia Azevedo explica que "a combinação dos resultados e cashflow gerado no exercício com as perspectivas da continuada alienação de Activos Imobiliários em curso, permite ao conselho de administração propor, pelo terceiro ano consecutivo, uma remuneração accionista, sem prejudicar a manutenção de uma estrutura de capital adequada e a capacidade para financiar as opções de crescimento identificadas".

 

Em 2016 a Sonae Capital tinha remunerado os accionistas pela primeira vez, com o pagamento de um dividendo de 6 cêntimos por acção referente ao exercício de 2015.

 

O pagamento de 25 milhões de euros em dividendos no ano passado foi um dos factores que justificou o facto de a dívida da Sonae Capital ter aumentado 43,4 milhões de euros para 109,4 milhões de euros em 2017.

 

As acções da Sonae Capital fecharam esta sexta-feira a cair 0,98% para 1,014 euros, pelo que ao dividendo proposto corresponde uma rendibilidade de 5,4%.




pub