Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Subida superior a 6% da Zon sustenta bolsa

A bolsa nacional fechou a sessão a valorizar, num dia em que as congéneres europeias não tiveram um comportamento definido. Os ganhos da Zon, que está em processo de fusão com a Optimus, foram os responsáveis pela subida do índice.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 17 de Dezembro de 2012 às 16:46

O PSI-20 apreciou 0,24% para 5.638,88 pontos, com sete acções em alta, 12 em queda e uma inalterada.

 

As acções da Zon foram as principais responsáveis pelo comportamento do índice, depois de terem subido 6,15% para 2,987 euros. A Zon chegou mesmo a subir 17,27% para 3,30 euros, o que corresponde ao valor mais elevado desde Julho de 2011.

 

A subida das acções da empresa liderada por Rodrigo Costa é justificada pelo anúncio, na sexta-feira, de que a empresa está a preparar uma fusão em conjunto com a Optimus.

 

Já a Sonaecom, que chegou a subir 17,19% para 1,80 euros – o que corresponde ao valor mais elevado desde Fevereiro de 2010 -, fechou com um ganho de 0,91% para 1,55 euros.

 

Ainda no sector de telecomunicações, a Portugal Telecom contrariou a tendência e fechou a perder 0,99% para 3,786 euros.

 

A ajudar à subida do índice esteve também a EDP, ao ganhar 1,16% para 2,27 euros, depois de na sexta-feira ter anunciado que a EDP Brasil, onde detém 51%, ganhou a construção de mais uma barragem no Brasil. O projecto irá traduzir-se num investimento estimado de 1,1 mil milhões de reais (cerca de 400 milhões de euros) sendo este montante previsivelmente alocado em 16% em 2013, 43% em 2014, 35% em 2015 e 6% em 2016.

 

A EDP Renováveis também avançou 0,10% para 4,10 euros. Já a Galp Energia perdeu 0,26% para 11,73 euros.

 

Em queda fecharam também as acções da Jerónimo Martins, ao perderem 0,70% para 14,895 euros, enquanto a sua concorrente mais directa, a Sonae, subiu 3,90% para 0,693 euros.

 

Na banca, o sentimento predominante foi de queda, com o BES a ceder 1,04% para 0,857 euros, o BPI a recuar 0,33% para 0,897 euros, o Banif a deslizar 4,35% para 0,154 euros e o ESFG a perder 0,21% para 5,279 euros. O BCP contrariou a tendência e subiu 1,37% para 0,074 euros.

 

(Notícia actualizada às 16h50 com mais cotações)

Ver comentários
Saber mais Bolsa PSI-20 Zon Sonaecom Optimus
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio