Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Juros da dívida a dez anos do Japão abaixo de -0,1%

A “yield” da dívida nipónica passou abaixo da própria taxa de referência do banco central do Japão. Os analistas falam de “compras em pânico” por parte dos investidores.

27º - Japão (21º em 2014)
Bloomberg
Rui Barroso ruibarroso@negocios.pt 18 de Março de 2016 às 08:43
  • Partilhar artigo
  • ...

As taxas da dívida japonesa estão cada vez mais negativas. A "yield" a dez anos chegou a transaccionar esta sexta-feira, 18 de Março, abaixo de -0,10%, a taxa de depósitos do banco central japonês. A entidade, liderada por Haruhiko Kuroda, juntou-se no final de Janeiro ao clube de autoridades monetárias com juros negativos e tem em curso um programa alargado de compra de activos, que inclui dívida pública.

O problema é que já não há muitos investidores a quererem vender os títulos, dada a ausência de alternativas de investimento atractivas. E, mesmo com taxas negativas, os investidores estrangeiros estão a reforçar em dívida nipónica, considerada um investimento seguro. Na semana terminada a 9 de Março entraram mais 8,9 mil milhões de dólares nessas obrigações, o valor mais alto em um mês.

A última operação de compras do banco central teve a menor participação de sempre de investidores a quererem vender obrigações, segundo a Bloomberg. A procura nesta operação foi de apenas 1,35 vezes o valor que o Banco do Japão tencionava comprar, um terço do que ocorreu na operação semana passada. Isso levou a "compras em pânico" após a operação, refere Shuichi Ohsaki, estratego do Bank of America Merrill Lynch.

Apesar de terem passado abaixo de -0,10% após as operações de compra do Banco do Japão, as taxas seguem em -0,93%, segundo dados da Bloomberg. 

Ver comentários
Outras Notícias