Bolsa Tesla dispara mais de 8% após lucros surpresa

Tesla dispara mais de 8% após lucros surpresa

As acções da Tesla chegaram a subir mais de 11% no arranque da sessão, aliviando para um ganho superior a 8%, depois de a fabricante de automóveis ter surpreendido o mercado com lucros no terceiro trimestre.
Tesla dispara mais de 8% após lucros surpresa
Sara Antunes 25 de outubro de 2018 às 14:52
As acções da Tesla estão a subir mais de 8% para 312,01 dólares, depois de terem chegado a avançar um máximo de 11,27%.

A justificar este desempenho esteve a apresentação de resultados feita ontem, já após o fecho do mercado, com a empresa liderada por Elon Musk a reportar lucros, quando as estimativas apontavam para prejuízos. 

A Tesla terminou o terceiro trimestre do ano com um resultado líquido de 311,5 milhões de dólares, ou 1,75 dólares por acção. Este lucro compara com um prejuízo de 619,4 milhões de dólares registado um ano antes. Excluindo itens extraordinários, a Tesla fechou o trimestre com um lucro de 2,90 dólares por acção, quando os analistas consultados pela Bloomberg previam um prejuízo de 0,15 dólares.

 

As receitas totais da fabricante de automóveis mais do que duplicaram para 6,82 mil milhões de dólares, superando os 6,31 mil milhões de dólares previstos pelos analistas.

 

A Tesla mantém a previsão de entrega de 100 mil veículos Modelo S e X este ano e revelou que vai começar a aceitar encomendas na Europa e na China do Model 3 antes do final deste ano. Além disso, depois de uns últimos meses tumultuosos – com Elon Musk sob todos os holofotes – a empresa revelou que apenas 20% das reservas feitas na América do Norte foram canceladas.

 

Os números só foram apresentados já após o fecho da bolsa – que teve uma sessão de fortes quedas – mas no mercado que funciona após o fecho de Wall Street, as acções dispararam mais de 11%, com os investidores a aplaudirem os resultados.

 

Já na terça-feira, as acções da Tesla tinham disparado, com os investidores a anteciparem de alguma forma as boas notícias. Isto porque a fabricante de automóveis antecipou a apresentação de resultados.




Saber mais e Alertas
pub