Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Valores da avaliação bancária voltam a atingir novos mínimos

O preço médio da avaliação bancária às habitações em Portugal continua a cair, atingindo, em Agosto, um novo mínimo. A maior queda homóloga foi verificada na Região Autónoma dos Açores e é na Madeira que o preço médio é mais elevado.

Sara Antunes saraantunes@negocios.pt 26 de Setembro de 2012 às 11:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • 4
  • ...
O preço médio da avaliação bancária em Portugal é de 1.028 euros por metro quadrado, de acordo com os dados divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). Este valor corresponde a uma queda de 7% quando comparado com igual período do ano passado e de 0,5% face a Julho.

As variações registadas em Agosto representam um abrandamento das quedas, já que em Julho a descida homóloga tinha sido de 7,3%. A tendência tem sido de quedas consecutivas, com alguns meses a interromperem essa evolução. Contudo, quando comparado com Setembro de 2008 (primeiro mês da série) a queda do preço médio em Portugal é de 10,22%.

A maior queda do preço médio de avaliação bancária foi verificada na Região Autónoma dos Açores, onde a queda foi de 15,7%, em termos homólogos, para 917 euros por metro quadrado. A segunda descida mais pronunciada foi registada em Lisboa, onde a descida foi de 8,3% para 1.225 euros.

A redução de preços menos acentuada foi registada na região do Norte, com os valores a descerem 5,8%.

Centro o mais “barato” e Madeira a mais “cara”

A região com o preço médio de avaliação bancária mais baixa é o Centro, onde o metro quadrado está avaliado em 870 euros, menos 15,37% do que a média do país.

Do lado oposto encontra-se a Região Autónoma da Madeira, onde o preço médio se encontra nos 1.320 euros, mais 28% do que a média.

A avaliação bancária assume uma importância crucial para as famílias que estão a tentar comprar casa através de crédito. É que é a avaliação do imóvel que vai determinar o montante máximo do financiamento, com a banca a financiar até 80% da avaliação da casa em questão. Ou seja, se o imóvel for avaliado por 100 mil euros, os bancos emprestam até 80 mil euros.

O que significa que a descida das avaliações bancárias poderá dificultar o acesso ao financiamento bancário para a compra de casa.
Ver comentários
Saber mais avaliação bancária imóveis casas INE crédito
Outras Notícias