Fundos de investimento Venda da Cabovisão e Oni foi o maior negócio do trimestre

Venda da Cabovisão e Oni foi o maior negócio do trimestre

O negócio da venda da Cabovisão e da Oni à Apax Partners protagonizou a maior operação num trimestre em que as operações de fusões e aquisições no mercado nacional aumentaram 28%.
Venda da Cabovisão e Oni foi o maior negócio do trimestre
Patrícia Abreu 20 de abril de 2016 às 13:37

O mercado português de fusões e aquisições registou um total de 68 operações nos primeiros três meses de 2016, o que representa um aumento de 28% face ao período homólogo, segundo o relatório ibérico da consultora TTR. A compra da Cabovisão e da ONI pela Apax Partners protagonizou o maior negócio do trimestre.


"Foram registadas 68 transacções entre operações anunciadas e concluídas, incluindo a aquisição de activos, sendo que apenas 27 delas tiveram seu valor divulgado, movimentando o total de 1,78 mil milhões de euros", adianta o relatório divulgado esta quarta-feira, 20 de Abril.


A venda da Cabovisão e da Oni pela Altice à Apax Partners protagonizou o maior negócio do primeiro trimestre. A operação, que já tinha sido anunciada em Setembro, mas que apenas foi concluída em Janeiro, foi de aproximadamente 200 milhões de euros, diz a TTR.


Os sectores mais activos no mercado de fusões e aquisições no primeiro trimestre foram a tecnologia, imobiliário e o sector financeiro e dos seguros.


Estados Unidos lideram


Em termos de negócios realizados por empresas estrangeiras em Portugal, os Estados Unidos foram o principal investidor estrangeiro, com nove transacções, seguidos por Espanha com seis e pela Turquia, França e Reino Unido, todos com duas operações.


empresas portuguesas a comprar participações em empresas estrangeiras foram registadas apenas três transacções no primeiro trimestre de 2016. "As empresas lusas investiram no Brasil, França e Espanha", refere o mesmo documento.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI