Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Vivo dispara com oferta da Telefónica à PT

As acções iniciaram a sessão no mercado brasileiro a disparar mais de 7% depois da Telefónica ter anunciado que oferece 3 mil milhões de euros à Portugal Telecom pela sua participação de 50% na Brasilcel, holding que controla a operadora.

Maria João Soares mjsoares@negocios.pt 10 de Julho de 2007 às 15:01
  • Partilhar artigo
  • ...

As acções iniciaram a sessão no mercado brasileiro a disparar mais de 7% depois da Telefónica ter anunciado que oferece 3 mil milhões de euros à Portugal Telecom pela sua participação de 50% na Brasilcel, holding que controla a operadora.

Os títulos da Vivo abriram a valorizar 7,34% para 10,68 reais na bolsa de São Paulo, que começou a negociar às 14:30 de Lisboa. Entretanto aliviaram os ganhos e seguem a subir 3,82% para 10,33 reais.

A Telefónica avançou com uma proposta de 3 mil milhões de euros para comprar a participação de 50% que a Portugal Telecom (PT) detém a brasileira Vivo, afirmou o presidente da operadora espanhola em entrevista conjunta ao Financial Times e ao Expansión.

O valor de mercado da Vivo, no final da sessão de ontem, era de 6,7 mil milhões de euros, o que coloca os pouco mais de 31% que a PT detém nesta operadora acima dos dois mil milhões de euros. Com a oferta de três mil milhões de euros os espanhóis estão a pagar um prémio de 50% à operadora de Henrique Granadeiro pelo controlo da operadora brasileira.

Com a venda do terço que detém na Vivo, e considerando a emissão das obrigações convertíveis em acções, no montante máximo de 750 milhões de euros, a PT acumulará quase quatro mil milhões de euros.

A Vivo é actualmente responsável por 37% da facturação da PT e 26% do seu EBITDA e, olhando para o primeiro trimestre deste ano, constata-se que a Oi poderia ter uma importância bem mais significativa nas contas da operadora portuguesa.

Nos primeiros minutos de negociação foram transaccionados pouco mais de 800 mil títulos da Vivo.

Ver comentários
Outras Notícias