A carregar o vídeo ...
Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Volatilidade nos mercados europeus dispara para máximos de 10 meses

A situação no Japão está a criar grande nervosismo junto dos investidores, nomeadamente os europeus, fazendo o índice que mede a volatilidade nos mercados do Velho Continente disparar mais de 40%.

Paulo Moutinho 15 de Março de 2011 às 10:04
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
O VStoxx, que é também conhecido como o “índice do medo”, por reflectir a aversão dos investidores ao risco, está a registar uma forte subida. Avança 43% para 38,29 pontos, na sessão de hoje, sendo este um máximo de Junho de 2010.

Esta forte subida do índice de volatilidade revela a crescente apreensão dos investidores perante a situação catastrófica que se vive no Japão, país onde depois de um forte tremor de terra se segui um violento “tsunami” que ameaça as centrais nucleares do País.

Perante este cenário, os investidores estão a afastar-se de investimentos de maior riscos, como as acções. Levaram as bolsas nipónicas a perder mais de 11%. Na Europa, a sessão está também a ser “negra”.

O Stoxx 600, que agrega as maiores empresas do Velho Continente, está a perder mais de 3%, para 263,93 pontos. Esta é mesmo a maior queda do índice de referência da Europa em quatro meses.

Praças como a da Alemanha destacam-se nas quedas. O DAX está a perder 4,48%, enquanto a bolsa de Paris recua 3,82% e o índice de Amesterdão apresenta uma desvalorização de 3,06%. A bolsa de Lisboa está a cair 1,85%.

Ver comentários
Saber mais Japão volatilidade Europa
Mais lidas
Outras Notícias