Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Wall Street em alta a caminho da quinta semana seguida a valorizar

Depois de um início de ano marcado pela volatilidade, as principais praças norte-americanas começam a estabilizar. Abriram a última sessão desta semana no verde, seguindo assim para o que poderá ser a quinta semana consecutiva a avançar.

Bloomberg
David Santiago dsantiago@negocios.pt 18 de Março de 2016 às 13:50
  • Partilhar artigo
  • ...

O índice industrial Dow Jones iniciou a sessão desta sexta-feira, 18 de Março, a somar 0,30% para 17.533,3 pontos, tal como o tecnológico Nasdaq Composite que começou o dia a ganhar 0,28% para 4.788,46 pontos.

 

A seguir a tendência nesta abertura de sessão, o índice Standard & Poor’s 500 iniciou o dia a apreciar 0,3% para 2.046,42 pontos, isto depois de ter fechado a sessão desta quinta-feira no valor mais elevado desde 31 de Dezembro.

 

As principais praças norte-americanas parecem assim encaminhar-se para a quinta semana seguida a acumular valorizações, compensando assim as fortes perdas registadas desde o início deste ano, marcado pela forte volatilidade nos mercados internacionais, em especial devido aos receios face aos sinais de abrandamento da economia global, designadamente da China.

 

A apoiar os ganhos neste início de sessão está a valorização das matérias-primas, designadamente do petróleo. Em Nova Iorque, o West Texas Intermediate (WTI) segue mesmo a subir 1,39% para 40,76 dólares por barril.

 

Também a contribuir para o sentimento positivo dos investidores norte-americanos está ainda a decisão da Reserva Federal, que no final do encontro de dois dias da autoridade monetária revelou que deixará inalterada, pelo menos para já, a taxa de juro no país.

A instituição liderada por Janet Yellen sinalizou os riscos decorrentes do abrandamento da economia global como factor para manter os juros inalterados, contrariando assim a expectativa da Fed de proceder a quatro aumentos progressivos dos juros em 2016, isto depois de em Dezembro último ter decretado o primeiro aumento dos custos do dinheiro desde 2006.

No sector petrolífero, a Exxon sobe 0,20% para 84,27 dólares e a Chevron a crescer 0,35% para 97,23 dólares. Nota ainda para os ganhos registados pelo sector financeiro, com o Citigroup a valorizar 1,87% para 43,65 dólares, o Bank of America a somar 2,09% para 13,68 dólares, o JP Morgan a crescer 2,13% para 60 dólares e o Goldman Sachs a apreciar 1,04% para 154,50 dólares.

Ver comentários
Saber mais Standard & Poor's 500 Wall Street Dow Jones Nasdaq Composite Fed Janet Yellen Petróleo WTI Exxon Goldman Sachs JP Morgan Chevron Citigroup
Outras Notícias