Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Xstrata deixa cair OPA hostil de 32,9 mil milhões de euros sobre Anglo American

A Xstrata desistiu de lançar uma Oferta Pública de Aquisição (OPA) hostil no valor de 30,4 mil milhões de libras (32,9 mil milhões de euros) sobre a Anglo American, depois dos reguladores britânicos terem dado à empresa um ultimato para formalizar a oferta até ao próximo dia 20 deste mês.

Patrícia Abreu pabreu@negocios.pt 15 de Outubro de 2009 às 09:06
A Xstrata desistiu de lançar uma Oferta Pública de Aquisição (OPA) hostil no valor de 30,4 mil milhões de libras (32,9 mil milhões de euros) sobre a Anglo American, depois dos reguladores britânicos terem dado à empresa um ultimato para formalizar a oferta até ao próximo dia 20 deste mês.

Após tomar esta decisão, a Xstrata não poderá fazer outra proposta de compra da Anglo American nos próximos seis meses, a não ser que se trate de uma oferta consentida pelas duas empresas.

A empresa de mineração apresentou uma proposta de fusão com a Anglo American no passado mês de Junho, no entanto a companhia rejeitou o plano da fusão, tendo reiterado no início do mês que a proposta da Xstrata não era do interesse dos accionistas.

“É lamentável que a administração da Anglo American tenha rejeitado imediatamente a nossa aproximação, sem se ter encontrado com a Xstrata”, adiantou o CEO da empresa, Mick Davis, em comunicado citado pela Bloomberg. Ainda assim, o responsável reforçou que as vantagens competitivas para uma fusão entre as duas empresas permanecem.

A Xstrata, que completou mais de 33 mil milhões de dólares em aquisições nos últimos seis anos, pretendia combinar as operações de mineração no Canadá, Austrália e África do Sul, com os projectos da Anglo American e cortar os custos anuais em mil milhões de dólares.

Ver comentários
Outras Notícias
Publicidade
C•Studio