Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

A sua semana dia-a-dia: Dados económicos em foco em semana mais curta nas bolsas

Numa semana com menos uma sessão, devido à Páscoa, a divulgação de indicadores económicos vai estar em destaque.

Patrícia Abreu pabreu@negocios.pt 12 de Abril de 2020 às 19:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
Segunda-feira Bolsas encerradas devido à Páscoa
As bolsas europeias fecham devido à chamada Segunda-feira Santa, concluindo um período de quatro dias sem negociação para a comemoração da Páscoa. Apesar dos mercados estarem encerrados, as autoridades políticas e monetárias deverão focar-se na resposta à crise da covid-19.

Segunda-feira INE divulga inflação em março

O Instituto Nacional de Estatística (INE) divulga a evolução do índice de preços no consumidor, em março. Os números deverão refletir um abrandamento fruto da pandemia da covid-19, com muitos negócios parados devido às medidas de confinamento. Dados provisórios reportados no início do mês mostram que Portugal foi, juntamente com a Grécia e Chipre, o país que apresentou uma taxa de inflação mais baixa em março, de 0,1.

Terça-feira Dados económicos nos EUA

Os Estados Unidos da América revelam, na terça-feira, vários indicadores económicos. Será conhecida a evolução do índice de preços na importação e na exportação, em março. As previsões dos economistas consultados pela Bloomberg antecipam uma contração de ambos os indicadores.

Quarta-feira IGCP emite dívida de curto prazo

O instituto que gere a dívida pública portuguesa realiza uma emissão de bilhetes do tesouro a três e a 12 meses. O IGCP tem como objetivo colocar entre 1.000 e 1.250 milhões de euros, em títulos que vencem em 17 de julho de 2020 e 19 de março de 2021. Esta operação ocorre uma semana depois do IGCP ter emitido cinco mil milhões de euros na maior emissão sindicada alguma vez realizada pela República Portuguesa.

Quarta-feira Dados do turismo em fevereiro

O Instituto Nacional de Estatística (INE) divulga a evolução da atividade industrial em Portugal, no mês de fevereiro. Apesar deste ser o mês do carnaval, o indicador poderá já refletir os primeiros sinais de abrandamento provocado pela pandemia do coronavírus. No entanto, os efeitos do coronavírus deverão tornar-se mais evidentes nos números de março.

Quarta-feira Livro Bege da Fed

É divulgado o Livro Bege da Reserva Federal dos Estados Unidos, com novas previsões para a economia norte-americana. As projeções deverão contemplar o potencial efeito da crise da covid-19 na maior economia do mundo, bem como dar pistas sobre quando poderá ocorrer uma recuperação no futuro.

Quinta-feira Novos pedidos de subsídio de desemprego nos EUA

Os novos pedidos de subsídio de desemprego nos EUA deverão permanecer em níveis muito elevados, depois de na semana anterior mais de seis milhões de americanos terem recorrido a estes apoios, devido aos efeitos da covid-19. Contabilizando as três semanas anteriores, os novos pedidos de subsídio de desemprego superaram os 16,8 milhões de euros, cerca de 10% da força laboral dos EUA.

Sexta-feira Economia chinesa contrai no trimestre
O produto interno bruto deverá ter registado uma contração no primeiro trimestre do ano. As previsões da Bloomberg aponta para uma quebra de 9,8% face ao trimestre anterior, devido à covid-19.

Sexta-feira Rating de França e do Reino Unido avaliados

A agência de notação financeira Moody’s tem agendada para esta sexta-feira uma possível ação de "rating" para o Reino Unido. Já a canadiana DRBS pode fazer um comentário sobre a qualidade de crédito de França, isto num momento em que os países têm em mãos planos de estímulo à economia de milhões e milhões de euros.
Ver comentários
Saber mais Investidor Privado bolsas economia Livro Bege Fed INE
Mais lidas
Outras Notícias