Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

A sua semana dia a dia: Dividendos cortados ou adiados e novas projeções

A semana será marcada pela realização de três assembleias aguardadas: Jerónimo Martins, Navigator e Corticeira Amorim, com os acionistas de olho nos dividendos. Mas será a semana em que o FMI revela novas projeções.

Alexandra Machado amachado@negocios.pt 21 de Junho de 2020 às 19:00
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Segunda-feira União europeia e china: que futuro?
A União Europeia e a China vão ter um encontro bilateral, por videoconferência, para debaterem o relacionamento futuro. Um encontro que o Eurostat aproveita para divulgar dados sobre o comércio entre os dois blocos em 2020.

Segunda-feira É o dia A, de Apple

É um dos dias mais aguardados anualmente pelos fãs da empresa da maçã. O Worldwide Developers Conference (WWDC) da Apple arranca segunda-feira e decorre até 26 de junho. Ao contrário do habitual este ano, devido à pandemia, será totalmente virtual. É o momento em que a Apple apresenta as suas novidades.

Terça-feira O livro da polémica

Já muito se escreveu sobre o livro de John Bolton, o republicano, ex-conselheiro de Segurança Nacional na Administração Trump e um influente republicano. O livro "The Room Where It Happened" [a sala onde tudo aconteceu] é lançado oficialmente esta terça-feira, se Trump não conseguir, como pretende, impedir a sua publicação. Bolton acusa o Presidente dos EUA de ter pedido ajuda à China para a eleição e diz que Trump é inapto para o cargo. Um livro arrasador quando se aproximam as eleições presidenciais de novembro.

Quarta-feira FMI divulga novas projeções

O FMI publicará novas projeções económicas para 2020. Os dados serão anunciados pela economista-chefe, Gita Gopinath, esperando-se que sejam piores do que os avançados em abril. Em abril, o FMI estimava uma contração de 3% na economia mundial. Para Portugal antecipava uma contração de 8%. Para Portugal, o INE revela as contas nacionais do primeiro trimestre por setor institucional.

Quinta-feira Navigator e Jerónimo Martins reúnem acionistas

Com o mês de junho quase a chegar ao fim - limite para a realização das assembleias-gerais anuais - a Jerónimo Martins e a Navigator reúnem os seus acionistas e com um ponto em comum: a remuneração que lhes vão dar. A Navigator realiza uma assembleia-geral extraordinária a fim de transitar os resultados conseguidos pelo exercício de 2019 para reservas livres. Isto depois de ter cancelado a distribuição de dividendos. A Jerónimo Martins reúne os seus acionistas, depois de ter cancelado a reunião que chegou a estar marcada para 16 de abril. E agora propõe um dividendo de 20,7 cêntimos por ação, em vez dos 34,5 cêntimos propostos anteriormente. No dia seguinte, a Corticeira Amorim - que também mudou a data da assembleia - reúne os seus acionistas. A empresa liderada por António Rios Amorim decidiu manter a proposta de dividendo de 18,5 cêntimos por ação, "tendo como base a sua solidez financeira e a adequada estrutura de capitais".

Quinta-feira BCE divulga atas da reunião que reforçou estímulos

As minutas das atas da reunião de 3 e 4 de junho do BCE vão ser divulgadas. Nesta reunião, o Banco Central Europeu puxou os cordões à bolsa e reforçou o seu programa pandémico de compras de ativos em mais 600 mil milhões, colocando-o com um valor total de 1,35 biliões de euros, a que acresce o programa que já existia de compra de ativos. Neste mesmo dia, a Fed divulga os resultados dos testes de stress aos seus bancos.

Sexta-feira Os gastos nos EUA

Vários indicadores económicos referentes a maio começam a mostrar-se. Durante esta semana, na Europa serão revelados indicadores de confiança e inquéritos a gestores de compra referentes a abril. E dos EUA, a fechar a semana serão divulgados os dados de gastos dos consumidores, acreditando-se que as vendas a retalho já demonstrem recuperação.
Mais lidas
Outras Notícias