Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Conheça as soluções para sair do incumprimento

O incumprimento deverá continuar a aumentar, este ano, mas a um ritmo mais moderado. Os economistas acreditam que o atraso no pagamento dos créditos vai acompanhar a descida da taxa de desemprego.

Raquel Godinho rgodinho@negocios.pt 06 de Janeiro de 2014 às 09:52
  • Partilhar artigo
  • 2
  • ...

 

"Se a recuperação da actividade económica se confirmar e o desemprego estabilizar, os índices de incumprimento deverão pelo menos aumentar a um ritmo mais baixo apesar de continuarem a subir, seguindo com atraso o ciclo económico", antecipa Paula Gonçalves Carvalho, economista-chefe do BPI. Saiba o que deve fazer se deixar de conseguir cumprir com as suas dívidas

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias