Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Rechear a casa com €10.000 (2)

“Optámos por atribuir um carácter ligeiramente étnico à casa, apesar de bastante ecléctico”, sublinha Sofia Costa. “É importante ter noção daquilo que as pessoas precisam para viver. Quem, normalmente, não recebe mais de três ou quatro amigos, não precisa

Ana Filipa Rego arego@negocios.pt 28 de Abril de 2008 às 16:22
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O que diz Sofia Costa

- Defina prioridades e invista no essencial: sofá, cama e arrumação.

- A cama e o sofá são as peças mais usadas de uma casa, pelo que deve concentrar neles o maior investimento, apesar de existirem hoje, no mercado português, soluções bastante acessíveis e com uma excelente relação entre qualidade e preço.

- Visite várias lojas da especialidade e grandes superfícies antes de tomar decisões. Leva tempo mas vale muito a pena e previne situações de compra por impulso que não se adaptam aos objectivos.

- O mobiliário essencial deve ser intemporal e básico, de preferência com cores neutras e nunca a tendência do momento.

- É preferível deixar por comprar os acessórios. Mais tarde poderá definir com mais rigor o que, de facto, faz falta. É preferível do que “encher” a casa com peças de que nunca gostou verdadeiramente.

O que aconselham Rita Vilhena e Sofia Alves Leal

- Comece por fazer uma selecção das peças que considera indispensáveis para a sua casa, conforme as suas necessidades e as da sua família.

- Estabeleça prioridades quanto a gastos, seleccionando quatro ou cinco “itens” em que pode gastar um pouco mais e que julgue importantes para criar o ambiente que pretende. Por exemplo, sofá, cadeirão ou mesa de jantar.

- Faça uma triagem da oferta existente no mercado e dos preços praticados, de forma a fazer as melhores escolhas.

- Antes de avançar, estude bem os espaços e a disposição dos móveis para se certificar das dimensões e não se precipitar na compra dos objectos.

- Dê uma vista de olhos nas peças antigas que pensou em deitar fora. Pode sempre recuperá-las e transformá-las. A combinação de estilos distintos de peças conferem personalidade à sua casa.

Outras Notícias