Petróleo Petróleo sobe 3% e volta a negociar acima dos 45 dólares nos EUA

Petróleo sobe 3% e volta a negociar acima dos 45 dólares nos EUA

A matéria-prima voltou a negociar acima dos 45 dólares por barril, valor que superou na semana passada pela primeira vez desde Novembro. Quebra da produção nos EUA está a sustentar as cotações.
Petróleo sobe 3% e volta a negociar acima dos 45 dólares nos EUA
Bloomberg
Patrícia Abreu 05 de maio de 2016 às 08:51

Os preços do petróleo seguem a valorizar perto de 3% no mercado de Nova Iorque, com a matéria-prima a negociar acima dos 45 dólares por barril, o valor que tinha superado pela primeira vez desde Novembro na semana passada. A sustentar as cotações está a quebra da produção nos EUA.

O WTI, negociado no mercado nova-iorquino, ganha 2,95% para 45,07 dólares por barril, máximos de Novembro. Já o Brent, em Londres, sobe 2,4% para 45,69 dólares por barril, depois de ter sido divulgada uma nova descida da produção nos EUA.

A produção de crude caiu 113 mil barris diários, para 8,83 milhões produzidos por dia , o que representa o valor mais baixo desde Setembro de 2014, segundo dados divulgados esta quarta-feira, 4 de Maio. Trata-se da maior queda semanal desde Agosto de 2015.

Estes números vêm confirmar a expectativa dos especialistas de que as petrolíferas norte-americanas continuem a reduzir a sua produção devido à quebra das cotações do petróleo nos últimos meses.

O petróleo tocou em mínimos de 2003 no início deste ano, no entanto tem vindo a recuperar e acumula já uma valorização superior a 21% em 2016, com os investidores confiantes num maior equilíbrio entre a oferta e a procura.




pub

Marketing Automation certified by E-GOI