Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

IGCP emite até 1.250 milhões de euros em bilhetes do Tesouro na quarta-feira

O instituto liderado por Cristina Casalinho vai emitir títulos com maturidade em julho de 2021 e março de 2022.

Negócios jng@negocios.pt 16 de Abril de 2021 às 17:21
  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

A Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) vai avançar na próxima quarta-feira, 21 de abril, com um duplo leilão de bilhetes do Tesouro, com o objetivo de angariar entre 1.000 e 1.250 milhões de euros.

 

O instituto liderado por Cristina Casalinho (na foto) vai emitir títulos com maturidade em 16 de julho de 2021 (três meses) e 18 de março de 2022 (11 meses).

 

No último leilão de títulos de dívida de curto prazo, a 17 de março, IGCP conseguiu financiar-se com uma taxa negativa recorde de -0,527% na maturidade a 12 meses.

Nesse dia, o IGCP colocou 500 milhões em títulos com maturidade em 17 de setembro de 2021 e mil milhões de euros no prazo a 18 de março de 2022.

 

Na emissão de bilhetes do Tesouro a seis meses a taxa ficou em -0,552%, em linha com a yield da última emissão comparável (-0,554% em janeiro). Nos títulos a 12 meses o IGCP aceitou uma taxa de -0,527%, contra -0,522% na emissão comparável realizada em janeiro.

 

Ainda que por uma ligeira margem, Portugal voltou assim a conseguir financiar-se a taxas negativas recorde na emissão de títulos a 12 meses, revelando que a tendência de alta dos juros no mercado de dívida não estava a ter impacto nas emissões de curto prazo.

 

A procura dos investidores também confirmou que continuou elevado o apetite dos investidores pela dívida soberana europeia, no contexto de uma política monetária ultra acomodatícia por parte do Banco Central Europeu.

Ver comentários
Saber mais Tesouro IGCP Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública mercado de dívida
Outras Notícias