Obrigações IGCP regressa ao mercado com primeira emissão de dívida de curto prazo de 2019

IGCP regressa ao mercado com primeira emissão de dívida de curto prazo de 2019

A agência que gere a dívida pública irá ao mercado em busca de até 1.750 milhões de euros.
IGCP regressa ao mercado com primeira emissão de dívida de curto prazo de 2019
Pedro Elias
Tiago Varzim 11 de janeiro de 2019 às 16:18
A Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) vai regressar ao mercado na próxima quarta-feira, 16 de janeiro, para fazer uma emissão de curto prazo. Em causa estão dois leilões das linhas de bilhetes do Tesouro (BT) com maturidade entre cerca de seis meses e um ano.

"O IGCP, E.P.E. vai realizar no próximo dia 16 de janeiro pelas 10:30 horas dois leilões das linhas de BT com maturidades em 19 de julho de 2019 e 17 de janeiro de 2020, com um montante indicativo global entre 1.500 milhões e 1.750 milhões de euros", anunciou esta sexta-feira, 11 de janeiro, a agência liderada por Cristina Casalinho. 

De acordo com o programa de financiamento para este ano, a emissão de bilhetes do Tesouro terá um impacto positivo de 600 milhões de euros. Depois deste primeiro leilão de curto prazo, o primeiro trimestre terá ainda mais dois leilões de BT: um a 20 de fevereiro e outro a 20 de março.

Esta semana o IGCP foi ao mercado para emitir quatro mil milhões de euros numa emissão sindicada de dívida a 10 anos (maturidade em Junho de 2029). A procura foi cinco vezes superior à oferta, ficando a taxa de juro final da operação abaixo de 2% mas ligeiramente acima da "yield" no mercado secundário. A agência que gere a dívida pública garantiu assim cerca de um quarto do objetivo para a totalidade de 2019.



pub

Marketing Automation certified by E-GOI