Obrigações IGCP procura até mil milhões com dívida de curto prazo

IGCP procura até mil milhões com dívida de curto prazo

À sexta operação com bilhetes de curto prazo em 2016, o Tesouro volta a procurar até mil milhões de euros. Em causa estão títulos a três e 11 meses, sendo que Portugal conseguiu juros negativos na última operação equivalente.
IGCP procura até mil milhões com dívida de curto prazo
André Tanque Jesus 10 de junho de 2016 às 16:10

A Agência de Gestão da Tesouraria e da Dívida Pública (IGCP) vai realizar um duplo leilão de bilhetes do Tesouro na próxima quarta-feira, 15 de Junho. Uma operação que estava já agendada e que contará com títulos a três e 11 meses, com o objectivo de angariar até mil milhões de euros. Este é já o sexto leilão de dívida de curto prazo em 2016.

"O IGCP vai realizar no próximo dia 15 de Junho, pelas 10:30 horas, dois leilões das linhas de BT com maturidades em 23 de Setembro de 2016 e 19 de maio de 2017", revelou o Tesouro em comunicado emitido esta sexta-feira, 10 de Junho. O instituto liderado por Cristina Casalinho (na foto) fixou ainda o "montante indicativo global entre 750 milhões e 1000 milhões euros".

A última vez que Portugal colocou títulos nestas maturidades foi em Abril. Na altura, o Tesouro emitiu 300 milhões de euros em dívida a três meses, tendo conseguido uma taxa de juro negativa: -0,004%. Já no prazo a 11 meses, Portugal colocou 800 milhões de euros a uma taxa de 0,037%.

Esta é a sexta dupla operação do ano com dívida de curto prazo. Só nestes títulos, o Tesouro já conseguiu financiar-se em quase 7,5 mil milhões de euros, sendo que por três ocasiões alcançou taxas de juro negativas. Ainda esta semana, Portugal emitiu mil milhões de euros em obrigações do Tesouro a cinco e nove anos.


(Notícia actualizada às 16:16, com mais informação)




pub

Marketing Automation certified by E-GOI