Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Notícia

Milhões para a banca põem "rating" em xeque

Moody's, Standard & Poor's, Fitch e DBRS são unânimes: se a dívida aumentar, o "rating" de Portugal fica sob pressão. Este é o principal risco de uma injecção de capital na CGD, além da credibilidade nacional que fica em causa. Já o sector da banca fica a ganhar.

Miguel Baltazar/Negócios
André Tanque Jesus andrejesus@negocios.pt 09 de Junho de 2016 às 00:01
  • Assine já 1€/1 mês
  • 15
  • ...
A data ainda não está marcada, mas já é quase certo que o Governo de António Costa vai injectar capital na CGD. Uma operação que poderá rondar os quatro mil milhões de euros, o que coloca sob pressão as metas para este ano. O grande risco é a dívida pública voltar a subir, algo que, ao Negócios, nenhuma das quatro das agências de notação financeira diz prever. Por isso, caso venha ...
Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Saber mais CGD aumento de capital dívida pública agência de "rating" Portugal Moody's Fitch Standard & Poor's DBRS obrigações mercados banca empresas
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias