Outros sites Cofina
Notícia
Notícia
A carregar o vídeo ...

Carlos Silva: "Se a UGT não estiver disponível, tenho dúvidas que haja acordo de concertação social"

A UGT não vai abdicar de um referencial mínimo de 2,7% para atualizações salariais no privado na negociação de um acordo de rendimentos. "É o que o Governo propôs", lembra Carlos Silva, mas que entretanto colocou de parte. O secretário-geral da UGT admite que possa não existir acordo, mas diz que esse é um problema do Governo.

23 de Fevereiro de 2020 às 18:19
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Mais lidas