Formação de Executivos 2018 II Responder aos desafios concretos das empresas

Responder aos desafios concretos das empresas

Doutoramento em Ciências Empresariais da Universidade Portucalense aposta na colaboração entre a indústria e a academia. Industrial PhD tem elevada procura.
Responder aos desafios concretos das empresas

Com 32 anos de história, a Universidade Portucalense Infante D. Henrique, ou UPT, é uma instituição moderna, inovadora, que ministra vários cursos, permitindo uma escolha diversa aos seus alunos. Naturalmente, o 3.º ciclo não é excepção, com a formação executiva conferente de grau e não conferente de grau. Relativamente à primeira, Ana Paula Silva, directora do Departamento de Economia e Gestão, debruça-se sobre o doutoramento em Ciências Empresariais. "Tradicionalmente um doutoramento é um grau académico obtido por académicos, muitas vezes distanciados do mundo empresarial em termos profissionais", começa por referir Ana Paula Silva. Contudo, explica, a UPT desafiou o convencional e desenhou um programa doutoral de acordo com o conceito de Industrial PhD: "Um doutoramento colaborativo entre a indústria e a academia, que visa dar resposta a desafios concretos das empresas."

 

No que toca à formação executiva não conferente de grau, a directora do Departamento de Economia e Gestão da UPT destaca o "MBA para Gestores de PME, que já vai na sua 11.ª edição".

 

Sobre quais os programas que estão a ter mais procura, esclarece que o Industrial PhD tem demonstrado resultados "surpreendentes" no que diz respeito à procura por parte das empresas, muito superior ao número de vagas disponível. "Isto reflecte o aspecto inovador de que neste doutoramento a empresa surge como o actor principal, cujo acompanhamento é altamente personalizado e o único resultado aceitável é a descoberta da resposta a um desafio empresarial muito real, sendo garantida a protecção do conhecimento como propriedade das empresas envolvidas", assegura a responsável da UPT. Ana Paula Silva conta que os doutorandos investigam a solução para um problema concreto de uma empresa. E cada uma destas "beneficia do conhecimento desenvolvido/gerado, retirando vantagens competitivas no seu contexto de negócios específico, marcado pela rápida mudança, necessidade de inovação e flexibilidade, requerendo conhecimentos de ponta".

 

Aprendizagem contínua

 

Questionada se existem organizações a procurarem a UPT para dar formação aos seus profissionais, responde afirmativamente, relembrando, inclusive, que há hoje mais consciência de que é fundamental a formação contínua. "Sim, sem dúvida. Cada vez mais as empresas e os profissionais reconhecem a importância da aprendizagem ao longo da vida e a UPT tem vindo a construir uma reputação sólida na área de conhecimento da gestão levando a que seja a universidade eleita por muitas empresas."

 

A UPT consegue adaptar os horários dos seus cursos às necessidades das empresas, o que aliás é uma "condição sine qua non", sublinha. "A formação executiva decorre em horário pós-laboral, ou seja, ao final do dia e início da noite e aos sábados. Além disso, há flexibilidade da nossa parte em ajustar horários predelineados às necessidades e conveniências particulares dos formandos, a cada edição".




pub

Marketing Automation certified by E-GOI