Outros sites Cofina
Negocios em rede
Mais informações

C•Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do universo Cofina.
Aqui as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

Notícia

A importância da formação customizada

Programas desenhados à medida e as parcerias fazem diferença.

11 de Maio de 2021 às 12:29

A formação customizada é importante, pois as organizações têm objetivos e necessidades diferentes. Como cada caso é um caso, é essencial as escolas de negócios desenharem programas à medida de cada empresa e dos seus quadros. Por isso, perguntámos a Gonçalo Faria, associate dean for Executive Education da Católica Porto Business School, se nos últimos anos têm existido mais ou menos clientes a procurarem a formação à medida da sua escola e se são apenas as grandes empresas que patrocinam a formação executiva dos seus quadros ou se, por exemplo, também as PME fazem estas parcerias.

 

Gonçalo Faria explica que a sua escola contacta com empresas de "diferentes dimensões", que encorajam os seus colaboradores a desenvolver uma forma de pensar global, baseada em competências de comunicação, liderança, organização e demais ferramentas de gestão. "Orientados por este fim, temos desenhado com sucesso programas de formação executiva para essas empresas de diferentes dimensões. Consideramos esta área de formação customizada como de forte crescimento potencial, apesar de muito dependente do ciclo económico", relembra.

 

Capacitar os colaboradores para a exigência e disrupção

 

Questionado se as empresas e as organizações portuguesas apostam na formação customizada, José Crespo de Carvalho, presidente do ISCTE Executive Education, responde: "Claro que apostam. Mal delas se não apostassem. Trata-se de qualificar e reter pessoas. Trata-se de capacitar e envolver os seus colaboradores para contextos sempre mais exigentes e mais disruptivos."

 

José Crespo de Carvalho sublinha que uma empresa que não entenda o que é um colaborador hoje "está morta". "O colaborador quer continuar a evoluir, precisa de se sentir vivo e participativo, necessita de desafios, pretende ser sempre motivado para níveis mais elevados e quer, efetivamente, o melhor para si. A organização terá de conviver com esta exigência pessoal e saber geri-la e se não tem o melhor dos seus colaboradores terá muita dificuldade em continuar no mercado", alerta.

 

Conhecer reais necessidades

 

No ISG - Business & Economics School dá-se também muita importância aos programas para empresas e à formação customizada. Registe-se que o ISG dispõe de um leque variado de formação ligada a áreas fulcrais para as empresas, como são exemplo o comportamento organizacional, setor comercial e de marketing, contabilidade e finanças, gestão de projetos, recursos humanos, tecnologias da informação e comunicação ou gestão de operações e logística.

 

Clara Viegas, diretora do Departamento de Formação Avançada do ISG, diz que num mundo "em constante mudança, em que o saber pensar e o saber-fazer são essenciais no sucesso do indivíduo enquanto profissional, a formação direcionada é de extrema importância, pois permite adquirir conhecimento específico sobre as reais necessidades da empresa".

 

Para a responsável do ISG, a constante preparação dos quadros das empresas, com especificidades próprias, irá alavancar o seu nível de competências, ajudando a compreender as variações do mercado e a colmatar as suas carências de formação.

 

"É nossa missão estarmos próximos do mundo empresarial, em estreita ligação com as práticas profissionais diferenciadoras e atuais. Podemos verificar este ponto através dos webinars e workshops, organizados com oradores representativos dos diferentes setores de atividade do tecido empresarial português", refere.

 

A formação customizada do ISG distingue-se pelo "rigor, inovação e docentes altamente qualificados e experientes, empenhados na qualificação dos seus estudantes, preparando-os para a real demanda do mercado de trabalho". "Existe um reconhecimento real do mercado, pois dispomos de uma taxa de empregabilidade a nível de gestão de 98%. Estas são estatísticas oficiais disponíveis no site infocursos.pt."

 

Clara Viegas sublinha ainda a importância das parcerias que o ISG tem com mais de uma centena de empresas e associações.

Mais notícias