Outros sites Cofina
Negocios em rede
Mais informações

C•Studio é a marca que representa a área de Conteúdos Patrocinados do universo Cofina.
Aqui as marcas podem contar as suas histórias e experiências.

Notícia

Como podem (e devem) os gestores de frotas ser relevantes no futuro

Existem muitos desafios na área da mobilidade e é obrigatório estar sempre atualizado.

07 de Abril de 2021 às 08:21
Jane Hoffer, CEO da GoWithFlow
Jane Hoffer, CEO da GoWithFlow

As zonas de emissão reduzida (ZER) têm como principal alvo os veículos mais antigos e maiores, nomeadamente camiões a diesel e a gasolina. Mas, atualmente, cidades como Oxford estão a implementar Zonas de Emissão Zero para reduzir os níveis de poluição tóxica do ar, combater a emergência climática e melhorar a saúde de residentes, trabalhadores e visitantes.

Os gestores de frotas enfrentam inúmeros desafios para se manterem atualizados com a constante e rápida mudança do panorama da mobilidade.

A mobilidade sustentável veio para ficar

Apesar de muitas cidades já terem implementado controlos de emissão reduzida, são cada vez mais as cidades (Lisboa é um bom exemplo) que caminham para emissões zero. Os gestores de frotas que ainda não começaram a considerar a transição para veículos elétricos (VE) e híbridos já estão atrasados.

 

A infraestrutura de carregamento é vital

Passar de veículos tradicionais para elétricos implica muito mais do que decidir apenas que veículos obter. A infraestrutura de carregamento para manter esses veículos na estrada é igualmente importante e os gestores de frotas devem preparar-se para futuras necessidades de carregamento, além das exigências imediatas.

 

Os dados do veículo ajudam nas decisões

O acesso aos dados dos veículos da frota deve estar disponível em tempo real, dando aos gestores o poder de saber onde podem ser feitas melhorias ou tomadas medidas para responder às necessidades de um cliente. A análise dos dados sustenta decisões de negócio que podem ter um efeito imediato.

 

Custos e  emissões em sincronia com objetivos

Um sistema de gestão de frota baseado na análise de dados transparente dará visibilidade dos custos e dos impactos ambientais em tempo real. Utilizando uma abordagem baseada em dados, é possível ver o impacto nos custos, bem como nas emissões.

 

Lançar as bases para futuras oportunidades

A gestão de frotas está em constante mudança, com novas tecnologias de combustível e de baterias, criando oportunidades para combustíveis alternativos e utilização de veículos. À medida que ocorrem mudanças legislativas, especialmente nos centros urbanos, os gestores de frotas devem também preparar-se para novos meios de transporte.

Com uma base de mobilidade orientada através de dados, os gestores de frotas podem estar preparados para atingir os objetivos de sustentabilidade, seja qual for o objetivo do seu negócio, ao mesmo tempo que controlam os custos e reduzem a pegada de carbono.

Mais notícias