Outros sites Cofina
Notícia

Candidaturas aos Prémios Saúde Sustentável 2015 já abriram

Qual é a unidade de cuidados primários que pode ser uma referência? E a unidade de cuidados hospitalares? E a de cuidados continuados? Um júri de especialistas analisa as candidaturas e dá a resposta. Em 2015 pelo quarto ano consecutivo.

Negócios 26 de Fevereiro de 2015 às 16:21
Bruno Simão/Negócios
  • Partilhar artigo
  • ...

As candidaturas aos Prémios Saúde Sustentável estão abertas. Pelo quarto ano consecutivo, o objectivo é premiar entidades ou iniciativas no sector da saúde "que se tenham destacado por promover e implementar princípios e acções de sustentabilidade com impacto tangível na saúde". São quatro as categorias deste ano, tendo-se juntado este ano mais uma às três já existentes. Foi ainda simplificado o processo de candidatura com um formulário que é mais rápido e simples de preencher.

 

Cuidados Primários, Cuidados Hospitalares e Cuidados Continuados são as três classes de prémios a que se juntou uma quarta "Prémio Saúde Sustentável – Outras Categorias" como se pode ler no regulamento. Nos Cuidados Hospitalares, além de unidades hospitalares podem candidatar-se unidades, departamentos ou serviços hospitalares. As candidaturas a "Outras Categorias" estão abertas a entidades que, sendo relevantes no sector da saúde, não se classificam em nenhuma das anteriores classes que de prestação de serviço. São, por exemplo, os casos das farmácias ou associações.

 

Estão ainda consagradas, no âmbito dos prémios, cinco menções honrosas para cada um dos critérios usados para avaliação de práticas de sustentabilidade na saúde. Qualidade Clínica e Resultados em Saúde, Experiência do Utente, Sustentabilidade Económico-Financeira, Responsabilidade Ambiental e Inovação e Tecnologias na Saúde são as cinco menções honrosas que "podem ser atribuídas a qualquer candidato que integre a ‘short list’ resultante da primeira fase de análise", conforme se pode ler no regulamento. As candidaturas na primeira fase devem ser entregues até dia 7 de Março.

 

Os candidatos devem começar por identificar em que categoria se integram – cuidados primários, hospitalares, continuados ou outros – e preencher o formulário que podem encontrar aqui. De acordo com o modelo mais simples deste ano, "deverá fornecer uma breve memória descritiva do objecto da candidatura e uma fundamentação sucinta sobre os contributos dados nas cincos dimensões da sustentabilidade consideradas no regulamento: Qualidade clínica e resultados em saúde; Experiência do utente; Responsabilidade ambiental Sustentabilidade económico-financeira; Responsabilidade ambiental e Inovação e tecnologias.

 

As candidaturas serão avaliadas pelo júri tendo como referência os cinco critérios e daí resultará uma ‘short list" que passará à segunda fase. Os candidatos aos prémios serão então contactados para fornecerem informação adicional mais detalhada sobre os cinco critérios de base do valor sustentabilidade na saúde. O júri pode ainda requerer esclarecimentos adicionais ou visitar as instituições para tomar a decisão final de atribuição dos prémios e das menções honrosas.

 

O júri é presidido pelo ex-presidente da República Jorge Sampaio e integra Abel Mateus, Adalberto Campos Fernandes, Alberto Inez, António Couto dos Santos, António Parreira, Diogo Lucena, Eurico Castro Alves, Francisco Batel Marques, Heitor Costa, Helena Garrido, José Mendes Ribeiro, Maria de Belém, Marta Temido, Paulo Duarte, Pedro Pita Barros e Teresa Caeiro.

 

O Prémio Saúde Sustentável distingue ainda uma personalidade que se tenha destacado no domínio das políticas sustentáveis de saúde. Proposto e decidido pelo júri, o Prémio Personalidade Saúde Sustentável de 2014 foi João Lobo Antunes (na foto). Em 2013 o galardão foi dado a Odette Ferreira e em, 2012 a José Pereira Miguel.

 Em 2014 o Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra venceu o prémio Cuidados Hospitalares, a Unidade de Saúde Familiar de Valongo recebeu o prémio Cuidados Primários e a Santa Casa da Misericórdia de Arcos de Valdevez teve o prémio Cuidados Continuados.

 

Os Prémios Saúde Sustentável são uma iniciativa do Negócios em parceria com a Sanofi e com o apoio da Accenture, responsável pela metodologia de avaliação. Nasceu em 2012 e entra em 2015 na sua quarta edição. A edição completa-se com uma cerimónia de entrega dos Prémios.