Outros sites Cofina
Notícia

Ex-libris de Setúbal

Setúbal, a cidade do poeta Bocage e do Parque Nacional da Arrábida, tem um forte património arqueológico e religioso. Mas a gastronomia também marca pontos.

Maria Ana Barroso 26 de Setembro de 2019 às 14:00
Rui Minderico
  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Natureza
Uma visita aos simpáticos golfinhos

Os golfinhos são os habitantes mais famosos do estuário do Sado. Cientificamente são roazes, nome que advém do seu hábito de roer as redes dos pescadores, com o propósito de lhes roubar o peixe. Segundo o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas vivem nestas águas uma população estimada de 25 golfinhos. "No verão, são frequentemente observados quer no estuário, quer na zona marinha adjacente onde demonstram comportamentos de socialização (saltos e golpes de cabeça), relacionados com o período de acasalamento e reprodução", descreve o referido instituto. Na cidade, existem muitas ofertas de passeios de barcos para observação destes mamíferos.

Gastronomia
Choco frito é uma imagem de marca

Não é fácil num concelho como Setúbal selecionar uma única iguaria que defina a região do ponto de vista gastronómico. Ainda assim, o choco frito é incontornável e uma imagem de marca dos restaurantes da cidade. Mas há mais. Os produtos vindos do mar são, por regra, afamados e sinónimo de qualidade. A estes juntaram-se, nos últimos anos, as ostras, que regressaram ao Sado e já são famosas por esse mundo fora. Se nos virarmos para o vinho, encontramos outro ex-líbris de Setúbal. Por um lado, por conta das adegas existentes em Azeitão e por outro pelo popular vinho moscatel. Dos vinhos, saltamos para os queijos ou não fosse o queijo de Azeitão um dos queijos mais famosos da região de Setúbal. Falta ainda a doçaria, na qual figuram as tortas de Azeitão.

Mais notícias