Resistência à mudança dificulta transformação digital

"As empresas ainda não perceberam o que é transformação digital, que não implica só tecnologia, mas é também cultural".
Resistência à mudança dificulta transformação digital
Para Paulo Fernandes as empresas começam a querer inovar rapidamente.
David C. Santos
Filipe S. Fernandes 27 de fevereiro de 2019 às 16:00

"Trabalho muito no terreno, faço sobretudo pré-venda, e vejo que cada vez há mais interesse nas empresas em ter o time to market ou seja terem a capacidade de inovar rapidamente", refere Paulo Alvarez Fernandes, solution architect na Outsystems, empresa em que está desde Agosto de 2017 vindo da Pactera Switzerland, depois de ter passado pela Deloite e Movensis.

Este engenheiro electrotécnico pelo Instituto Superior Técnico, diz tem aumentado o número de clientes interessados nos processo de transformação digital.

"Vejo muito no interesse em inovar em vez de pegar apenas numa aplicação", sublinha Paulo Alvarez Fernandes. Recorda que "no início tínhamos muitos clientes que estavam à procura de uma determinada aplicação para resolver um pequeno problema mas perceberam que a transformação digital não é só isso, é mais abrangente e que portanto precisam de uma plataforma que consiga responder às várias necessidades".

Portugal na moda

Apesar de Portugal estar na moda, com a vinda da Google, Amazon, Mercedes, ter três unicórnios, em termos empresariais ainda não existe uma tração tão grande em relação à transformação digital, em comparação com os Estados Unidos ou com polos tecnológicos como Singapura, Hong-Kong. "As empresas tentam inovar digitalmente mas ainda não perceberam o que é uma transformação digital em termos empresariais, que não implica só tecnologia mas é também cultural", sublinha Paulo Alvarez Fernandes.

O que pensa sobre os Portugal Digital Awards

"Os prémios como os Portugal Digital Awards são importantes porque entre as suas iniciativas premeiam empresas, e assim estamos a dar valor a uma coisa que tem de ter cada vez mais reconhecimento em Portugal, até pela mensagem que enviam que é de construção do nosso futuro. Além disso, mostra às empresas as suas congéneres que estão a ter sucesso neste processo de transformação digital", refere Paulo Alvarez Fernandes.




Marketing Automation certified by E-GOI