Outros sites Cofina
Notícia

Gallo forte nos mercados de Brasil e Portugal

Para 2023, “as perspetivas são de aumento do consumo de azeite, diz Filipe Gonçalves, country manager. Empresa foi a vencedora da categoria Exportações - Multinacional em 2021.

Filipe S. Fernandes 25 de Outubro de 2022 às 14:00
Miguel Baltazar
  • Partilhar artigo
  • ...
A Gallo é a primeira marca portuguesa de azeite no mundo, e a quarta no ranking mundial e os seus produtos vendem-se em mais de 30 países. Brasil e Portugal são os principais mercados, é "líder destacado no Brasil, sendo a marca de azeite preferida pelos brasileiros, que está presente em cerca de um em cada três lares. Dispomos de posição de coliderança em Portugal", disse Filipe Gonçalves, country manager Brasil da Gallo Worldwide. A empresa foi a vencedora da categoria Exportações - Multinacional na 11ª edição dos Prémios Exportação & Internacionalização, referente a 2021, e que é uma iniciativa do Jornal de Negócios e do Novo Banco, em parceira com a Iberinform Portugal.

Em termos de volume, o Brasil é o grande mercado da Gallo mas as atividades da Gallo Worldwide nestes anos de 2021 e 2022 pós-pandemia, "foram atípicos, dado o aumento substancial dos custos de produção e de uma significativa desvalorização do real. Isto gerou um ajustamento dos preços que impactou a procura no Brasil", refere Filipe Gonçalves.

Este é o mercado de azeite que a Gallo há mais tempo trabalha e onde existe ainda grande potencial. Na categoria de azeites o consumo per capita no Brasil não chega a um litro comparado com os 8 a 9 litros de consumo per capita em países como Portugal, Espanha, Itália, Grécia.

"Para 2023, as perspetivas são de aumento do consumo de azeite. Por isso continuamos a desenvolver programas para estimular o consumo através da comunicação dos benefícios para a saúde do azeite face às demais gorduras", considera Filipe Gonçalves.

Certificação e sustentabilidade

A Gallo Worldwide atua em mais de três de dezenas de mercados internacionais, onde, segundo Filipe Gonçalves, "é uma marca de referência na categoria de azeites em todos os países em que opera". Em termos de abordagem aos mercados "a Gallo adapta o perfil organolético dos azeites aos gostos de cada país e adequar o portefólio e as campanhas de comunicação ao estado de desenvolvimento da categoria para cada mercado onde operamos", explica o country manager Brasil da Gallo Worldwide, Além dos azeites, está presente nas categorias de vinagres, molhos de pimenta, azeitonas, piripiri e vinagrete, mas "o peso é relativamente baixo dada a prioridade ser o azeite", admite Filipe Gonçalves.

As certificações são muito importantes para o negócio internacional. "Cumprimos todas as certificações, e, para além disso, estabelecemos padrões de qualidade ainda mais restritivos. Dessa forma garantimos um produto final de qualidade superior que o consumidor reconhece quando adquire um produto Gallo", afirmou Filipe Gonçalves. Por isso têm sistemas de segurança alimentar, com a certificação FSSC 22000, que além da conformidade com a metodologia HACCP, demonstra conformidade com a legislação e requisitos do cliente em matéria de segurança alimentar, promovendo a melhoria contínua, o sistema de gestão de qualidade e o sistema de gestão ambiental.

Como reforço da preocupação de Gallo com o meio ambiente, em 2018 a Victor Guedes, fábrica dos produtos Gallo em Abrantes, tornou-se uma instalação livre de CO2. Filipe Gonçalves revela que dispõem "de programas de sustentabilidade que vão desde a matéria-prima até aos outros materiais que compõem a embalagem final".
Mais notícias