Economistas Uma concertação das democracias do Indo-Pacífico 14:00 Brahma Chellaney
Se o Japão e a Índia - os países mais influentes da região a seguir à China - conseguirem alavancar o seu relacionamento de forma a gerar progressos em direcção a uma concertação mais ampla de democracias na região, a visão de um Indo-Pacífico livre e aberto pode ser alcançada.
Ulisses Pereira Em busca da resistência perdida 11:05 Ulisses Pereira
Para que o PSI-20 recupere os 5.050 pontos, há três acções que têm de superar resistências: BCP, CTT e Sonae.
Ontem
Manuel Esteves Assim, se vê, a falta de força do PSD 18.11.2018 Manuel Esteves
Foi governo por poucos dias e passou grande parte da legislatura sem qualquer influência no Parlamento. Agora, no final da legislatura, o PSD volta a ser decisivo em vários dossiês-chave, mas vê nessa oportunidade um enorme problema.
Camilo Lourenço Centeno sabe que as coisas vão correr mal 18.11.2018 Camilo Lourenço 450
A discussão do Orçamento do Estado par 2019 teve momentos curiosos. O mais interessante deles foi ver o governo preocupado com o despesismo.
Marques Mendes Notas da semana de Marques Mendes 18.11.2018 Luís Marques Mendes
As notas da semana de Marques Mendes nos seus comentários na SIC. O comentador fala sobre a polémica das touradas, o conflito com os professores e o Brexit, entre outros temas.
Fernando Sobral No, Minister! 18.11.2018 Fernando Sobral
A Grã-Bretanha sempre desconfiou da Europa e esta nunca confiou em Londres. Está tudo exemplarmente descrito num velho episódio de "Sim, Sr. Ministro".
António Moita Orçamento de duas orelhas e rabo 18.11.2018 António Moita 23
Sabemos que duas orelhas e o rabo de um touro constituem os maiores troféus que se podem atribuir a um toureiro em resultado de uma atuação excecional. Mário Centeno deveria receber um troféu semelhante pelo sucesso obtido na negociação do Orçamento do Estado para 2019.
Sessão de Abertura Brexit tirou o sono aos traders... literalmente 18.11.2018 Raquel Godinho
O Brexit é, nesta altura, um dos temas que mais centram as atenções nos mercados financeiros mundiais. Depois do acordo alcançado entre o Reino Unido e a União Europeia, vários membros do governo de Theresa May decidiram demitir-se.
Economistas As lições do Quantitative Easing 18.11.2018 Stephen Roach
Esperamos que as circunstâncias nunca exijam outra experiência política não convencional como o QE. Mas, se uma nova crise financeira entrar em erupção, valeria a pena estarmos atentos ao que aprendemos - ou pelo menos deveríamos ter aprendido.
Manuel Falcão A lição de Marcelo em Aljubarrota 16.11.2018 Manuel Falcão
Esta semana, destaco dois factos políticos. O primeiro é apenas curioso - o Bloco de Esquerda anunciou querer ser Governo, com o PS, claro, e apontou até nomes ministeriáveis.
André Veríssimo Brexit, a vacina 15.11.2018 André Veríssimo
Michel Barnier, o experiente negociador da Comissão Europeia, tinha desde o início um mandato muito claro: vender bem caro o Brexit, mostrar o elevado custo da opção, e com isso criar um exemplo dissuasor. Missão cumprida.
Camilo Lourenço Arménio e Nogueira, desaparecidos em combate 15.11.2018 Camilo Lourenço 270
A CGTP é conhecida por ser o "enfant terrible" dos governos. Mas mais de uns do que de outros. Tome, por exemplo, o que se está a passar com a recuperação do tempo de serviço dos professores. Os sindicatos reivindicaram sempre nove anos, quatro meses e dois dias.
Armando Esteves Pereira O Governo confia na sorte do PIB e dos juros 15.11.2018 Armando Esteves Pereira
Apesar dos sinais de arrefecimento da economia, o Governo continua a acreditar que basta a boa sina do crescimento económico e da poupança com os juros da dívida para alcançar o défice mais baixo da história da democracia.
Fernando Ilharco O milagre da confiança 15.11.2018 Fernando Ilharco
A investigação tem mostrado que se acreditarmos que conseguimos, temos boas possibilidades de fazer bem o que queremos. Se não acreditarmos, é muito difícil.
Bruno Faria Lopes Ganhar por 10-0 nem sempre é o melhor resultado  15.11.2018 Bruno Faria Lopes
A evidente vitória negocial europeia nas negociações do Brexit é, também, uma estratégia que arrisca uma crise grave para todos.
Colunistas As nossas democracias vão acabar? 15.11.2018 José Veiga Sarmento 46
Ditaduras houve que delapidaram as riquezas do país, outras que construíram em poucos anos um poder económico difícil de obter quando se respeitam as regras e os direitos humanos.