Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN
Camilo Lourenço
Camilo Lourenço 29 de agosto de 2018 às 21:30

"Assolutamente no!" 

O euro salvou-se porque o BCE fez o que os bancos centrais independentes não gostam de fazer: manipulou taxas de juro ajudando países com finanças desequilibradas a financiarem-se.

A decisão tem vantagens (mostrou que o euro é um projeto político e não apenas monetário) e tem desvantagens: ao manter juros artificialmente baixos, tirou pressão para os Estados fazerem reformas.

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês
Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 22:00
Saiba mais
pub