Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião
Fernando Sobral fsobral@negocios.pt 28 de Maio de 2012 às 23:30

A demissão política de Relvas

Miguel Relvas resignou a ser a bússola política do Governo. Não se percebeu ainda é se o fez porque deseja ser removido do cargo que ocupa ou porque se perdeu no temível labirinto onde se escondem os segredos da política

  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
Miguel Relvas resignou a ser a bússola política do Governo. Não se percebeu ainda é se o fez porque deseja ser removido do cargo que ocupa ou porque se perdeu no temível labirinto onde se escondem os segredos da política. Uma coisa é evidente: estando fragilizado politicamente, o braço-direito de Passos Coelho torna o Governo anémico. Relvas era a ala política que equilibrava a poderosa asa financeira do Governo. Miguel Relvas cometeu um erro que Maquiavel explicaria com elegância: um político age por delegação e não por direito próprio. Por isso precisa de dar explicações quando elas são necessárias para que o ar não fique cheio de dióxido de carbono.

Relvas escusava de estar nas notícias por surgir ligado a um estagiário de espião que aspirava a ser príncipe. Porque achava que era muito competente a fazer "copy/paste" da Internet e a colocar em papel tudo o que se diz sobre a intimidade de algumas pessoas. Quando um ministro é a causa e se torna a consequência das mesmas notícias é porque não escolheu bem os amigos, os aliados e os inimigos. Mais grave do que a demissão política de Miguel Relvas face ao que dele necessitava Passos Coelho é a sensação de que há um enorme défice democrático a nível do aparelho do Estado. Onde, quem sai, continua a utilizar os meios da República como se fosse uma estância privada. A democracia deveria ter princípios morais e éticos. Em Portugal parece que também isso foi posto no prego. A Miguel Relvas não basta agora pôr alka-seltzer na água para passar a dor de cabeça da democracia. Porque o próprio Governo ficou com uma terrível enxaqueca política.

Ver comentários
Mais artigos do Autor
Ver mais
Mais lidas
Outras Notícias