João Quadros
João Quadros 03 de março de 2017 às 10:12

Uma montanha de carácter

Com a carrada de dinheiro que voou daqui, e como Assunção Cristas diz que Portugal deve muito a Núncio, o mínimo é dar o nome do homem ao novo aeroporto. Aeroporto Paulo Núncio, voe para paraísos.
O ex-secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio, assumiu a sua "responsabilidade política" pela não publicação de dados relativos às transferências de dinheiro para "offshores", pedindo o abandono das suas funções actuais no CDS-PP. Acho que não chega, e vai em desterro para as ilhas Caimão.

Núncio "quis libertar o partido" a que pertence [CDS-PP] "de quaisquer controvérsias ou polémicas nesta matéria". Se é para libertar o CDS de controvérsias, o melhor é sair do PP e inscrever-se no PSD.

Assunção Cristas veio dizer que Paulo Núncio, ao assumir a sua "responsabilidade política" pela não publicação de dados relativos às transferências de dinheiro para "offshores", revela "uma grande elevação de carácter". Acho que uma elevação com mais de 10 mil milhões já é considerada uma montanha. É pena não haver uma fossa das marianas de lisura para a Assunção mergulhar. Se Paulo Núncio "mostrou uma grande elevação de carácter" ao assumir responsabilidades políticas, como é que fica o carácter de quem disse que foram notícias plantadas?

Recordemos o percurso que nos leva ao topo da elevação de carácter:
1 Núncio diz que é culpa do fisco
2 Cristas diz que são notícias plantadas
3 Fisco desmente Núncio
4 Núncio demite-se do... CDS
5 Cristas diz que Núncio é de grande elevação e que Portugal deve-lhe muito.

Agora, fica a faltar a condecoração ao Núncio. Aliás, com a carrada de dinheiro que voou daqui, e como Assunção Cristas diz que Portugal deve muito a Núncio, o mínimo é dar o nome do homem ao novo aeroporto. Aeroporto Paulo Núncio, voe para paraísos.

Eu mandei um e-mail para agradecer ao Doutor Núncio tudo o que fez por nós mas, infelizmente, tenho um "bug" no sistema informático e ele não recebeu a informação. Sendo assim, se a senhora Assunção não levar a mal, se calhar, vou deixar os agradecimentos ao Núncio para a semana, porque agora estou ocupado a agradecer ao Miguel Macedo o negócio dos Vistos Gold. Seja como for, em 2016, Núncio foi considerado personalidade do ano da Associação Portuguesa de Fundos de Investimento, Pensões e Património. Se calhar, já lhe agradeceram o suficiente.

Em Dezembro, num artigo no jornal online Eco, Paulo Núncio escrevia: "O Natal convoca-nos a perspectivar a nossa vida e a hierarquizar as nossas prioridades" - e passaram quatro quadras natalícias e ele não foi capaz de pôr no topo da hierarquia das suas prioridades as transferências para "offshores". Tem uma desculpa, estava ocupado a sortear uns Audi para premiar os cidadãos que ajudavam a evitar fugas ao fisco.

Conhecendo as prioridades de Núncio, e como o Natal é quando um homem quiser, fica a pergunta: já investigaram o sorteio dos Audi?

top 5

Agradecido

1. SIC: "Técnicos do Banco de Portugal defenderam saída de Salgado nove meses antes da derrocada" - Dava para o Carlos Costa ter um filho.

2. "Arrastão 'pesca' bomba ao largo da Nazaré" - A Nazaré tem bombas e canhões, ponham-se a pau com o Trump, ainda a confunde com a Coreia do Norte.

3. Futebol feminino bate recorde de público num jogo com 9.263 pessoas em Alvalade - Madeira Rodrigues diz que eram só 1.000.

4. "Barack e Michelle Obama vendem publicação de memórias por 60 milhões de dólares" - Rói-te, Aníbal.

5. SIC Notícias, Negócios da semana, Tiago Caiado Guerreiro - "não invistam na GGD que aquilo é para enganar velhinhas" - A seguir, anúncio cogumelo do tempo.



pub

Marketing Automation certified by E-GOI