Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião
Jorge Marrão - Gestor 14 de Dezembro de 2015 às 19:00

As meias verdades

A profusão técnica e a selectividade de factos que se espalhou, e se espalha nos media, para esconder a ideologia ou os interesses que os suportam serão sempre meias verdades. Em política, como alguém disse, os factos não interessam, apenas a sua interpretação.

  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

A FRASE...

 

"Passos Coelho obteve uma indiscutível vitória ideológica…e colocou-nos quase todos a concordar que só saíamos da situação empobrecendo."

 

Nicolau Santos, Expresso, 12 de Dezembro de 2015

A ANÁLISE...

 

O oposto a empobrecer presume-se que é ainda enriquecer, coisa que não acontece em Portugal desde 2000. Nesta medida, Passos Coelho manteve a tradição de não conseguir fazer o País crescer. A visão oposta que tinha condições para o fazer crescer esbarra com as mais elementares análises técnicas que já se fizeram sobre os efeitos de todas as tipologias de crises financeiras, dívidas soberanas ou cambiais ocorridas no mundo nos últimos 200 anos. A Irlanda e a Grécia não escaparam à "ideologia" europeia, pese embora as ideologias dos governos nacionais.

 

Já tivemos assim todas as teses ideológicas e técnicas para justificar a subida e manutenção do poder nestes 15 anos. O crescimento não aconteceu, pese a bondade das teses ideológicas oscilantes que suportaram os diferentes poderes. A atribuição do empobrecimento de um País, sob intervenção externa férrea, a um governo espartilhado por credores, é inequivocamente uma interpretação ideológica dos factos. E ainda bem que assim é: a democracia suporta diferentes convicções de natureza política, economia e social para resolver os problemas.

 

Em todo o caso, a profusão técnica e a selectividade de factos que se espalhou, e se espalha nos media, para esconder a ideologia ou os interesses que os suportam serão sempre meias verdades. Em política, como alguém disse, os factos não interessam, apenas a sua interpretação.

 

Este artigo de opinião integra A Mão Visível - Observações sobre as consequências directas e indirectas das políticas para todos os sectores da sociedade e dos efeitos a médio e longo prazo por oposição às realizadas sobre os efeitos imediatos e dirigidas apenas para certos grupos da sociedade.

maovisivel@gmail.com

Ver comentários
Mais artigos do Autor
Ver mais
Outras Notícias