Paulo Querido
Paulo Querido 19 de maio de 2013 às 18:48

"Cuidado, Facebook!", alerta Rupert Murdoch

Tópicos - as palavras que fazem as notícias do mundo

1. "Cuidado, Facebook!", alerta Rupert Murdoch

          Fez na sexta-feira passada um ano que a Facebook se estreou na bolsa de Nova Iorque com uma oferta pública inicial que correu mal, a despeito da sessão ter sido aberta por Mark Zuckerberg e de a expectativa da altura ser de um êxito sem precedentes.

     

            Um ano depois da sessão marcada por erros técnicos, a empresa vale menos 30%. Apesar dos enormes esforços por melhorar o desempenho, a Facebook continua a não conseguir tirar partido dos seus 1.000 milhões de utilizadores.

       

          A única coisa que tem aumentado é o número de cépticos. Um dos últimos é Rupert Murdoch, o homem que comprou a primeira rede social, o MySpace, por 580 milhões de dólares e que hoje não vale nada. Murdoch usou a sua conta no Twitter para alertar precisamente na véspera do aniversário: «cuidado, Facebook! A quantidade de horas de participação por membro está a cair a sério. O primeiro sinal realmente mau que vimos no MySpace há anos». Ele sabe.




      2. Miguel Blesa

      Acusado pela sua (ir)responsabilidade na compra, em 2008, do City National Bank, o ex-presidente da Caja Madrid não chegou a estar preso 24 horas. Em menos disso Miguel Blesa reuniu os 2,5 milhões de euros da fiança estipulados pelo juiz Elpidio José Silva. Documentos entretanto cedidos pela própria Caja comprovam vários empréstimos ilícitos ao então seu presidente. Suspeita-se também de falsificação de documentos na compra daquele banco americano.

       

       

       

      3. Powerball

      O elevador social deixou de funcionar há 2 décadas, deixando o sonho americano reduzido a... ganhar a lotaria. Milhões de americanos esperavam no sábado com grande ansiedade pelo anúncio do Powerball - o maior jackpot semanal do país, partilhado por 45 diferentes lotarias. Foi o maior prémio de sempre: 590,5 milhões de dólares saíram a um único vencedor. Um sonho com 1 hipótese em 175 milhões de se concretizar.

       

       

       

      "Tópicos" é uma ferramenta do Negócios que faz pesquisa inteligente das notícias de economia mundiais. Consulte e saiba mais em www.negocios.pt

      pub