Paulo Querido
Paulo Querido 29 de maio de 2013 às 00:01

Devolver aos jovens "a confiança e a esperança" na União Europeia

Tópicos – as palavras que fazem as notícias do mundo

1.  Devolver aos jovens «a confiança e a esperança» na União Europeia 

Seis milhões de jovens estão desempregados na União Europeia e outros 14 milhões nem estudam nem trabalham. Os números não são novos, a novidade está na mudança política que parece — finalmente — ganhar tração. França e Alemanha acordaram em Paris numa «ofensiva pelo emprego dos jovens», que consiga evitar «a rotura entre gerações».

 

Coube ao anfitrião nomear algumas linhas de ação a levar a cabo a partir de 1 de janeiro de 2014 — isto se entretanto a cimeira europeia no final de junho as aprovar. François Hollande pediu que a cimeira acelere a criação de um fundo dotado de 6.000 milhões de euros para cobrir os diversos programas.

 

Aumentar os programas de Erasmus, mobilizar financiamentos para PME e uma "garantia juvenil" — saídas profissionais para os menores de 25 anos quando deixam a escola — estão entre as ideias de Hollande para devolver aos jovens «a confiança e a esperança na UE».

 

 

 

2. Ana Pastor

O setor espanhol da construção está mergulhado numa crise. Ou antes: estava. A ministra do Fomento anunciou o impensável: obras de conservação das auto-estradas para os próximos meses no valor total de 2.963 milhões de euros e mais 4.707 milhões para as ferrovias. Ana Pastor comprometeu-se com a licitação das obras na Extremadura para o combóio de alta velocidade, antigamente conhecido em Portugal por TGV, que levará passageiros de Badajoz a Madrid numa hora e meia.

 

 

3. AstraZeneca

Os medicamentos cardíacos derivados de óleos de peixes estão na moda. A GlaxoSmithKline já os vende e chegou a vez da rival AstraZeneca. Em pouco tempo comprou duas empresas. A primeira foi a AlphaCore, há um mês. A segunda foi anunciada ontem: 443 milhões de dólares pela Omthera Pharmaceuticals. Vendas e lucros estão a diminuir à medida que as patentes caem e as farmacêuticas precisam de renovar a carteira de medicamentos exclusivos.

 

 

 

 

"Tópicos" é uma ferramenta do Negócios que faz pesquisa inteligente das notícias de economia mundiais. Consulte e saiba mais em www.negocios.pt

pub