Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião
Paulo Querido paulo@querido.pt 27 de Dezembro de 2012 às 00:50

Proximidade do abismo fiscal provoca dias dramáticos: "entendam-se"

Tópicos – as palavras que fazem as notícias do mundo

  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

1. Proximidade do abismo fiscal provoca dias dramáticos: "entendam-se"

 

Barack Obama regressou mais cedo das férias de Natal. Já está na Casa Branca a tratar do abismo fiscal. Apesar das semanas de negociações, ainda não há acordo com o Senado. Restam escassos dias para comprometer Obama e Mitch McConnell, o senador pelo Kentucky que lidera o Partido Republicano e a minoria no Senado. Se até dia 2 não houver acordo, expiram as benesses fiscais para a maioria dos americanos, os impostos aumentarão, os desamparados aumentarão 2 milhões num único dia e entra em vigor um colete de austeridade que pode fazer desaparecer 150.000 milhões de euros do consumo e mergulhar o país numa nova recessão. Dias dramáticos, seguidos com ansiedade. O empenho da sociedade para um final feliz está retratado na atitude da Starbucks: aos empregados das 120 lojas na área de Washington foi dito para escreverem "come together" ("entendam-se") nas chávenas descartáveis — uma mensagem para os dois exércitos de assessores e responsáveis.

 

2. SHINZO ABE

 

Foi um eleitorado espicaçado pela pujança económica e diplomática da vizinha e rival China que levou Shinzo Abe de volta à liderança do Japão. Conservador, o primeiro ministro tem defendido mais agressividade para os negócios estrangeiros e pretende que o país desempenhe um papel mais ativo em termos globais. Anunciou um governo que inclui aliados. Objetivos: combater a deflação e lidar com a ascensão chinesa.

 

3. GOOGLE

 

Demorou anos, mas a estratégia de combate ao pacote de escritório da Microsoft começou a dar frutos. O Google Apps — um conjunto de aplicações que inclui folha de cálculo e processador de texto com características específicas para o trabalho colaborativo — está a alargar a sua clientela. Depois das pequenas empresas de perfil moderno, 2012 viu grandes organizações adotarem o Google Apps. A Gartner chama-lhe o único concorrente forte do Office.

 

 

"Tópicos" é uma ferramenta do Negócios que faz pesquisa inteligente das notícias de economia mundiais. Consulte e saiba mais em www.negocios.pt

Ver comentários
Saber mais opinião
Mais artigos do Autor
Ver mais
Outras Notícias