Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião

Dois animais à solta na praia da Barra

Ursos e touros são símbolos importantes do mundo da bolsa.

  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...
Os ursos acreditam que o mercado vai cair enquanto os touros confiam em futuras subidas. Resolvi, por isso, criar duas personagens fictícias e dar-lhes voz, esgrimindo argumentos. Hoje, o urso Misha e o touro Bill regressam ao nosso convívio.

Aproveitando o tempo com sabor a Verão desta última semana e resolvi dar um salto às excelentes praias próximas da minha cidade de Aveiro. Caminhava à beira-mar quando a tranquilidade de um mês ainda com poucas pessoas na praia foi interrompida por uma discussão.

O Urso Misha e o Touro Bill estavam, à beira-mar, a discutir no seu tom de voz exaltado próprio das suas discussões e da sua vontade em captar a atenção de quem estava por perto.

Ulisses: Olá! Nem na praia as pessoas podem ter sossego?

Urso Misha: Já não se pode conversar? Estava aqui a tentar preparar o Bill para o pesadelo que vai viver nos próximos anos, com esta intervenção externa em Portugal que vai conduzir o país a uma profunda recessão e vai levar ao afundar da nossa Bolsa.

Touro Bill: "É o caos, é o caos!", gritam há meses os profetas da desgraça - ou melhor, os Mishas deste mundo - e o que eu vejo é a nossa Bolsa a aguentar-se bem perante todas estas notícias. Se isto não cai com tão más notícias, vai cair quando? Isto é um óptimo sinal.

Bill: Esqueces-te de referir que as Bolsas mundiais têm andado a subir nos últimos anos e nós não conseguimos acompanhar essa subida. Além disso, com a aplicação das medidas impostas pelo exterior, será nos próximos anos que se vai começar a sentir a sério a diminuição do consumo e a subida do desemprego e, consequentemente, o afundar da nossa Bolsa.

Misha: Não andas a ler os artigos aqui do nosso amigo Ulisses. Ele diz que, quando menos se esperar, numa altura em que o país estará em recessão e o desemprego estará em níveis recorde, a nossa Bolsa vai subir, antecipando a recuperação económica. Por isso, é agora o momento!

Ulisses: Alto e pára o baile! É verdade que eu escrevi isso num dos meus últimos artigos, mas nunca disse que era agora o momento. Tenho sempre dito que há que esperar por sinais de força que um dia surgirão mas que, até ao momento, ainda não apareceram.

Bill: Não viram a queda do preço das matérias-primas, incluindo o crude? Isto vai permitir reduzir os custos de produção, as empresas lucrarem mais e a economia ganhar um novo fôlego.

Misha: Só vês o que queres. A subida dessas matérias-primas tem aguentado a Bolsa norte-americana onde cada vez mais empresas dos índices são ligadas à produção dessas matérias-primas. Os índices têm subido com a subida desses preços e esta queda é a percursora do grande afundar nas Bolsas que aí vem.

E, depois de dizer isto, Misha atira um bocado de areia contra Bill que responde na mesma moeda.

Ulisses: A "troika" que aqui esteve elaborou uma lista tão extensa e completa das medidas que Portugal precisa e não acredito que não tenham incluído como última medida a vossa extinção… Podiam ir no mesmo pacote das centenas de institutos públicos…

Pela primeira vez na vida, Misha e Bill, deram as mãos e saltaram para cima de mim, aos murros e pontapés, empurrando-me para o mar, ficando eu completamente encharcado.

Quando duas personagens tentam afogar o seu criador, ninguém está seguro neste mundo. E as águas aqui no Norte são tão frias…


Nem Ulisses Pereira, nem os seus clientes, nem a DIF Brokers detêm posição sobre os activos analisados. Deve ser consultado o disclaimer integral aqui

Analista Dif Brokers
ulisses.pereira@difbroker.com
Ver comentários
Mais artigos do Autor
Ver mais
Outras Notícias