Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião
Ulisses Pereira ulissespereira@hotmail.com 08 de Junho de 2020 às 10:13

Europa a encurtar distâncias para os EUA

A quebra dos 4.300 pontos, no dia 28 de Maio, soltou as amarras do PSI-20 para o curto prazo, voando 8%.

  • Assine já 1€/1 mês
  • ...
Comente aqui o artigo de Ulisses Pereira

A bolsa portuguesa teve um desempenho notável na última semana com subidas fortes da generalidade das acções, em linha com as suas congéneres europeias que viveram também uma excelente semana, encurtando a distância para a bolsa norte-americana cuja recuperação tem sido a mais pujante de todas.

Para termos noção da dimensão da recuperação dos principais índices, o S&P já recuperou cerca de 76% da queda abrupta provocada pela pandemia, o DAX 74%, o CAC 56%, o PSI-20 55%, o FTSE 50% e o IBEX apenas cerca de 37%. O facto de o plano de recuperação europeia ter surgido muito depois do que aconteceu nos Estados Unidos é uma dessas razões e a outra, naturalmente, é o facto de - apesar de ser um plano ambicioso e muito forte - não ser tão ambicioso como o americano. Apesar disso, as medidas extraordinárias anunciadas na semana passada para a economia alemã fizeram voar a sua bolsa, encostando aos EUA neste "ranking" de recuperações.

A quebra da resistência dos 4.300 pontos, no dia 28 de Maio, soltou as amarras do PSI-20 para o curto prazo, voando rapidamente cerca de 8% em poucas sessões. Conforme referi no meu último artigo, estou pessimista para o médio prazo mas, para quem investe no curto prazo, faz sentido negociar os sinais que o mercado vai dando e, conforme já tinha referido, a resistência dos 4.300 era importante e as valorizações depois da sua quebra foram rápidas e fortes.

É bom ver a Europa recuperar. Portugal deve muito a Merkel pela coragem e determinação demonstrada na emissão de dívida comum. Os portugueses agradecem não ter de passar pelos sacrifícios da década passada. E o mercado também agradeceu.

Artigo escrito em 05/06/20 às 12h20
Fontes: https://live.euronext.com/pt/


Ulisses Pereira não detém qualquer dos ativos analisados. Deve ser consultado o disclaimer integral aqui,onde também pode ser consultada a lista com as anteriores análises de Ulisses Pereira.

Artigo em conformidade com o antigo Acordo Ortográfico

 

Ver comentários
Saber mais Ulisses discos pedidos
Mais artigos do Autor
Ver mais
Outras Notícias