Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião
Ulisses Pereira ulissespereira@hotmail.com 20 de Outubro de 2014 às 09:58

O calvário da bolsa portuguesa

Já lá vão mais de seis meses de quedas que não deixam incólumes praticamente nenhuma acção da bolsa nacional.

  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

 

O calvário dos touros continua na bolsa portuguesa. Já lá vão mais de seis meses de quedas que não deixa incólume praticamente nenhuma acção nacional para desespero dos investidores que, na passada semana, assistiram a mais quedas violentas.


Não vale a pena passarmos a vida a lamentarmos a crise do GES, o imbróglio criado na PT, o anémico crescimento europeu nem tão pouco o propagar do ébola. Não podemos controlar todos os factores externos que condicionam o mercado. Mas podemos controlar a nossa forma de estar no mercado e a forma como nos posicionamos.


Este espaço de opinião tem servido para ir deixando a minha visão de longo prazo sobre a bolsa. Como sabem, desde o Verão de 2012, tenho estado optimista. O primeiro sinal de fraqueza relevante veio na quebra dos 7.100 pontos e, quando o PSI-20 quebrou a zona de suporte entre os 6.100 e os 6.300 pontos (que fui apelidando de fronteira entre o "Bull" e o "Bear Market"), escrevi neste mesmo espaço de opinião que despia o meu fato de touro pois não podia fechar os olhos a tão grande sinal de fraqueza da bolsa portuguesa.


O PSI-20 continuou a afundar-se, estando já abaixo dos 5.000 pontos. É verdade que o acentuar das quedas fortes fazem aumentar a possibilidade de um ressalto no curto prazo mas, em bom rigor, mesmo que isso aconteça, os ursos continuarão a dominar a bolsa portuguesa.


Quando no Verão, na quebra da tal fronteira, deixei de estar optimista na bolsa portuguesa, senti-me estranho, despido do fato de touro que tão orgulhosamente enverguei durante dois anos. Mas quando os ursos dão sinal da sua força, há que sair da frente. As suas patadas não empurram apenas os mercados para baixo. Dão um autêntico murro no estômago dos investidores teimosos.

 

Comente aqui o artigo de Ulisses Pereira

 

 

Nem Ulisses Pereira, nem os seus clientes, nem a DIF Brokers detêm posição sobre os activos analisados. Deve ser consultado o disclaimer integral aqui


Analista Dif Brokers
ulisses.pereira@difbroker.com

 

Mais artigos do Autor
Ver mais
Outras Notícias