Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião

É a gestão, estúpido!

É frequente atribuir os problemas da nossa economia à falta de formação da população activa que, somada ao encarecimento da mão-de-obra, tornou o país menos atraente ao investimento estrangeiro ( v.g. o estudo da Câmara de Comércio Luso-Alemã, segundo o q

  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Ou seja, Portugal já não é barato para albergar indústrias de baixo custo e ainda não tem massa cinzenta para captar investimento onde o que conta é o "brainware".

Esta tese tem pouco de verdadeiro. Senão veja-se o caso da Bosch em Portugal, que anunciou novos investimentos em Aveiro, nomeadamente num centro de investigação em energias renováveis.

Não é seguramente pela cor dos olhos de João Paulo Oliveira, o CEO da filial, que a casa-mãe vai investir num centro de excelência em Portugal. O que faz a diferença, neste e noutros casos ( v.g. Siemens), é a capacidade de gestão. Se Paulo Oliveira e a dupla Melo Ribeiro/João Picoito não apresentassem projectos credíveis aos seus headquarters, e se não tivessem capacidade de "entrega" (delivery), a presença destas empresas em Portugal estaria reduzida ao mínimo.

E não consta que nem a Bosch nem a Siemens tenham dificuldade em arranjar mão-de-obra qualificada para os seus projectos: a Siemens já vai com 1.500 engenheiros e a Bosch emprega 600 licenciados...

Mais lidas
Outras Notícias