Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião
Eduardo Moura emoura@mediafin.pt 10 de Janeiro de 2005 às 13:59

Melhor Governo seria António Mexia, Ferreira Leite e Álvaro Barreto

OS PIORES MINISTROS - Carlos Tavares e Bagão Félix são considerados os piores ministros. Ambos tiveram negativas. Ambos penalizaram os seus governos.

  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

Para os Decisores, em 2004, o Executivo de Durão Barroso governou francamente melhor do que o de Santana Lopes, embora apenas suficientemente. Numa escala de zero a vinte, Durão Barroso obtém 12 valores e Santana Lopes 9 valores. Mas se, também para os Decisores, o fraco crescimento económico se deve sobretudo à ausência de reformas estruturais e muito menos à crise política, é provável que o Governo de Durão Barroso tenha sido sobrevalorizado. Ou que o de Santana Lopes tenha sido subavaliado.

Para esta dúvida concorrem outros resultados.

Por um lado, a principal medida positiva atribuída a Durão Barroso é o controlo da despesa orçamental, o que apesar de tudo já era uma política de 2002 e 2003.

A Santana Lopes, como medidas positivas mais referidas, atribuem-se a Lei das Rendas, Scuts e portagens. O que, especialmente as Rendas, já vinha de trás.

Como aspectos mais negativos dos dois governos, os Decisores são muito assertivos. Durão Barroso fugiu e Santana Lopes é trapalhão. Ida para Bruxelas versus desorganização. Ausência versus instabilidade. Saída versus descoordenação. Não fez nada versus OE 2005.

Segundo os Decisores, a nota negativa do Executivo de Santana Lopes resulta muito da actuação do seu líder, com uma considerável ajuda dos media. Mas pode dizer-se que Bagão Félix, também com 9 valores, e o OE 2005 ajudaram fortemente.

Já António Mexia, bem pelo contrário, com 15 valores surge como o mais apreciado dos seis ministros avaliados. E Carmona Rodrigues, o seu antecessor nas Obras Públicas e Comunicações já tinha estado bem com 13 valores. Esta foi a única pasta que teve dois bons ministros.

Álvaro Barreto cumpriu positivamente nos Assuntos Económicos, com 12 valores mas talvez o seu caminho tenha sido dificultado pelo testemunho do seu antecessor. Carlos Tavares foi considerado pelos Decisores o pior ministro de todos, com 8 valores.

A nota de Manuela Ferreira Leite não se compara com a de Bagão Félix. Com 14 valores, a rondar os 15, a ministra das Finanças está para o Governo de Durão Barroso como António Mexia para o de Santana Lopes.

Em função destes aspectos, não será abusivo concluir que António Mexia, Manuela Ferreira Leite e Álvaro Barreto teriam formado o Governo ideal de 2004.

Quem sabe se, nessa hipótese, o momento político actual não seria bem diferente.

Mais artigos de Opinião
Ver mais
Outras Notícias