Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN
Fernando  Sobral
Fernando Sobral 21 de abril de 2016 às 20:20

O realismo e o défice mágico

Quando escreveu "Cem Anos de Solidão", Gabriel García Márquez estabeleceu as traves-mestras do realismo mágico. A fantasia tornou-se algo comum e mistificava a realidade.

Portugal parece viver, neste momento, num labirinto típico de Jorge Luís Borges, onde realidade e ficção fazem parte do dia-a-dia. E temos cada vez mais dificuldades em separá-las.

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês
Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI