Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião
Jorge Marrão - Gestor 24 de Outubro de 2013 às 00:01

O silêncio dos mercados

Não há austeridade expansionista, como não há keynesianismo superavitário. Não há legião de economistas que nos salve.

  • Assine já 1€/1 mês
  • 2
  • ...

A FRASE...

 

"… Este Orçamento talhante é talhado para a descida dos juros e, portanto, evitar o segundo resgate. Isso está correcto. Mas, os riscos sobre a economia são enormes."

Pedro Santos Guerreiro, in Jornal de Negócios em 21 de Outubro de 2013

 

A ANÁLISE...

 

Uma economia pública ou privada sem crédito é toda ela um risco. Para haver um segundo resgate deve ter havido um primeiro. E os riscos sobre a economia já existiam: a de ser viciada em credores. É essa que estes querem ver destruída. E se a engenharia orçamental austera não funcionar ambos perdemos: eles não se livram de nós, nem nós deles. Esta geração devia, pelo menos, aprender uma lição: que deve haver um limite constitucional à dívida pública. Nem nisso ainda estamos de acordo. E os mercados sabem tudo isto.

Os mercados mundiais produzem triliões de poupança. Mantêm-se em silêncio com este pequeno grande país. São os mercados que estão errados? Sei que têm comportamento de rebanho. Mas não há um tresmalhado neste longo período? A política só pode ser esta: tentar criar uns tresmalhados. Não há austeridade expansionista, como não há keynesianismo superavitário. Não há legião de economistas que nos salve. O silêncio de hoje dos mercados e dos inocentes contrasta com a vozearia inoportuna dos responsáveis e omissão no passado das instituições democráticas eleitas e não eleitas. Onde está a solução? Onde sempre esteve: em nós, e na Europa que nos acudiu.

 

Este artigo de opinião integra A Mão Visível - Observações sobre as consequências directas e indirectas das políticas para todos os sectores da sociedade e dos efeitos a médio e longo prazo por oposição às realizadas sobre os efeitos imediatos e dirigidas apenas para certos grupos da sociedade.

maovisivel@gmail.com

Ver comentários
Mais artigos do Autor
Ver mais
Outras Notícias