Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião

Os irlandeses não têm complexos ideológicos

A Irlanda, um dos nossos parceiros de infortúnio, saiu do programa de ajustamento pela porta grande. De cabeça erguida. E pelo seu pé. A fazer jus à máxima que diz que o problema não é cair. É a forma como nos levantamos. E a Irlanda levantou-se porque soube fazer duas coisas: atirou-se à jugular da despesa pública (mesmo antes de a Troika lá ter aterrado) e teve uma classe política e parceiros sociais à altura. Isto é, aquela gente é crescida: conseguem sentar-se a uma mesa e negociar consensos. Como me dizia John Brutton, antigo primeiro-ministro irlandês (um dos que colocaram o país a crescer acima de 7%!), há uns meses, "Nós não temos divisões ideológicas".

  • Partilhar artigo
  • 170
  • ...

Nota: Este artigo está acessível apenas para assinantes do Negócios Primeiro.

 

Ver comentários
Mais artigos do Autor
Ver mais
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias