Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião
Fernando Sobral fsobral@negocios.pt 22 de Fevereiro de 2016 às 00:01

Um homem só

Quando, há alguns anos, os GNR cantavam sobre os "homens temporariamente sós", não estavam a pensar em Carlos Costa. Até porque o governador do Banco de Portugal é, há muito, um homem definitivamente só.

  • Assine já 1€/1 mês
  • 1
  • ...

Não apenas porque as condições meteorológicas exteriores aconselhavam há muito o seu recolhimento noutras latitudes, mas também porque o trabalho incessante que tem desenvolvido no Banco de Portugal tem-se revelado um prodígio de nulidade. Nada que tivesse demovido o anterior Governo de o reconduzir, depois de ele ter sido o bode expiatório de muitas decisões governativas e de ter sido atacado directamente por membros do anterior Executivo.

...

Negócios Premium
Conteúdo exclusivo para assinantes
Já é assinante? Inicie a sessão
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone
  • Conteúdos exclusivos com melhor da informação económica nacional e internacional;
  • Acesso sem limites, até três dispositivos diferentes, a todos os conteúdos do site e app Negócios, sem publicidade intrusiva;
  • Newsletters exclusivas;
  • Versão ePaper, do jornal no dia anterior;
  • Acesso privilegiado a eventos do Negócios;
Ver comentários
Mais artigos do Autor
Ver mais
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Capa do Jornal
Informação de qualidade tem valor. Invista. Assine já 1mês / 1€
Mais lidas
Outras Notícias