Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião

Um aviso aos sindicatos

Nos anos 70, quando a crise petrolífera provocou simultaneamente um disparo de preços e recessão, as autoridades cometeram dois erros: aceitaram aumentos de salários acima da inflação e baixaram as taxas de juro. O objectivo era bondoso (evitar a perda de

  • Assine já 1€/1 mês
  • ...

O cenário actual, na Europa e EUA, aponta no mesmo sentido: crescimento económico baixo, com preços altos. Daí a pressão para baixar juros e aumentar salários. Ontem o presidente do BCE, desfez as ilusões: os juros não vão baixar. Porque a inflação (subjacente inclusive) vai permanecer elevada durante mais tempo do que se supunha. É o sinal de que o BCE não vai cometer os disparates do FED e dos bancos centrais europeus nos anos 70.

As palavras de Trichet são um sério aviso. Se os salários acomodarem a subida da inflação (cedendo às pressões dos sindicatos) os juros voltarão a subir. O presidente do BCE até fez questão de lembrar que, na última reunião do banco, alguns membros votaram pela subida dos juros? Salve: haja um banco central que leve a sua missão a sério.

P.S. – A referência de Cavaco Silva ao desemprego (prometendo uma análise mais profunda do assunto) deixou alguns ministros apreensivos...

Ver comentários
Mais lidas
Outras Notícias