Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante, faça LOGIN
André  Veríssimo
André Veríssimo 19 de novembro de 2018 às 23:00

Ghosn, o herói perdeu a capa

A detenção de Carlos Ghosn, o construtor da aliança Nissan–Renault–Mitsubishi e um dos gestores mais influentes no mundo, radica no mesmo velho tema que explica outros tantos escândalos corporativos: demasiado poder concentrado num homem só e falta de transparência.

O francês de origem brasileira ganhou proeminência pela forma como fez crescer a Renault no final dos anos 90 e deu depois a volta às contas da Nissan à força de um agressivo plano de corte de custos e investimento

Conteúdo exclusivo para Assinantes Negócios Premium
Assine e aceda sem limites, no pc e no smartphone Assinar por 1€ por 1 mês
Notícias só para Assinantes
Análise, informação independente e rigorosa..
Para saber o que se passa em Portugal e no mundo, nas empresas, nos mercados e na economia.
Notícias e conteúdos exclusivos no website e aplicações móveis
Newsletter diária exclusiva para assinantes
Acesso ao epaper a partir das 23:00
Saiba mais
pub

Marketing Automation certified by E-GOI