Outros sites Cofina
Notícias em Destaque
Opinião
Diana Ramos - Diretora dianaramos@negocios.pt 07 de Setembro de 2022 às 23:00

Uma reforma à espreita?

A dificuldade do Governo em explicar o que está a fazer reside no facto de que, ao não atualizar as pensões de 2024 com base naquilo a que elas teriam direito pela aplicação da lei em 2023 – os tais 7% a 8% –, estará a partir de um ponto de rendimentos mais baixo, penalizando o valor futuro a que estes reformados têm direito.

  • Partilhar artigo
  • 4
  • ...

O debate é incontornável e vai aquecer nas próximas semanas, não fosse o tema das pensões e da sustentabilidade da Segurança Social um dossiê tão delicado, sobretudo quando a despesa associada ao pagamento destas prestações tem um peso tão relevante nas contas públicas.

...

Ver comentários
Mais artigos do Autor
Ver mais
Mais notícias Negócios Premium
+ Negócios Premium
Outras Notícias