Falar fora do tempo

05.06.2022 Diana Ramos

Percebe-se que um primeiro-ministro que esteja perante uma plateia de jovens lhes queira dar perspetiva, mas o entusiasmo, por vezes, arrisca tornar-se em ruído para português ver.

Os piores? Ai que bom!

02.06.2022 Celso Filipe

Temos o pior aeroporto do mundo? Ai que bom! O que vamos fazer para mudar? Nada. Há 50 anos que o novo aeroporto de Lisboa é um projeto que não sai do papel por força de lóbis diversos e poderosos que nos têm levado a um beco sem saída. É triste. Muito triste.

Incentivar a mobilidade

01.06.2022 Diana Ramos

A discussão em torno da mobilidade não se pode resumir à partidarite aguda. Exige pensamento e estratégia em doses altamente recomendadas, algo que tem faltado aos dois lados da discussão.

A guerra que reagrupa a UE

31.05.2022 Diana Ramos

O embargo (quase total ao petróleo russo) é mais um passo no caminho de uma nova política energética europeia. E uma mudança extrema de pensamento entre os 27. Schuman bem nos avisou de que a Europa “não se fará de uma só vez”.

19 voltas ao sol e pouco mudou

30.05.2022 Diana Ramos

A si, caro leitor, obrigada por fazer parte da nossa história. É também por si que fazemos cada edição. Sabemos o que nos exige e queremos que continue a merecer a nossa confiança. Queremos que possa continuar a ler-nos em qualquer formato. Por isso, hoje oferecemos-lhe também uma prenda: ao comprar o jornal terá como oferta uma assinatura mensal com ePaper. Por si e por nós.

A paciência como arma

29.05.2022 Celso Filipe

Luís Montenegro pode traçar muitos cenários, mas será inútil fazer planos de longo prazo. Terá de adequar o discurso a uma realidade que é imprevisível.

A elite só vê sombras

26.05.2022 Diana Ramos

As sombras que a elite agora observa podem também ser motor para que governos e empresas comecem a preparar o embate e antecipem eventuais choques sistémicos. A consciência empresarial é hoje outra, o mundo dos gestores é menos dependente do lucros e mais direcionado para a criação de valor. Quem melhor souber responder ao jogo de sombras mais bem preparado ficará para o confronto com a realidade.

Andar contra a corrente

25.05.2022 Diana Ramos

A grande dúvida que se parece colocar ao setor imobiliário português é se os efeitos negativos de uma guerra, da inflação e de uma inversão da era do crédito barato vão ou não travar o negócio.

Ver Mais